Cobra coral


Cobra coral

Tem uma cobra grande, enrolada
e envenenada com veneno pleno.

Tem de sobra, uma anta infeliz em
arruaça e com um aceno sereno.

A cobra branca é a mãe da coral
brilhosa e  muito venenosa.

A filha tinha o mesmo veneno
fatal e uma força fibrosa, era
uma cobra diferente e orgulhosa.

Enterrei a coral sob o piso, depois
decepei a força fatal, era preciso.

A cobra branca gerou mais veneno.
Incorporou nos corpos dos pequenos.

A maldade tinha a graça dos idos e
idiotas.
A nata tinha alça nas linhas incertas
e tortas.

As mortas eram mais vivas e os vivos
estavam de volta nas novas idas.

Quase que as vadias levaram as
pistas.
Quase! Mas ainda não as perdi de
vista...

http://poetadefranca.blogspot.com/
O NOVO POETA. (W.Marques).

Submited by

Saturday, October 6, 2012 - 02:34

Poesia :

No votes yet

onovopoeta

onovopoeta's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 1 year 29 weeks ago
Joined: 04/19/2009
Posts:
Points: 1469

Add comment

Login to post comments

other contents of onovopoeta

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/General Picareta 1 662 04/21/2009 - 02:29 Portuguese
Poesia/Meditation Sempre preso 2 681 04/21/2009 - 11:43 Portuguese
Poesia/Meditation Tem que ser assim 1 1.066 04/23/2009 - 01:31 Portuguese
Poesia/Meditation Bem dito seja 1 1.333 04/23/2009 - 03:58 Portuguese
Poesia/Intervention Mão em comunhão com meus neurônios imbecís 2 476 05/01/2009 - 14:10 Portuguese
Poesia/Meditation Pobre pato 1 860 05/02/2009 - 00:23 Portuguese
Poesia/General A ave triste 2 455 05/09/2009 - 23:57 Portuguese
Poesia/Meditation Só meio cheio 3 632 05/10/2009 - 12:07 Portuguese
Poesia/Love Trocamos nossas vestes carnais 2 1.157 05/13/2009 - 11:37 Portuguese
Poesia/Meditation Velha negra e transparente 2 1.865 05/13/2009 - 11:45 Portuguese
Poesia/Love O jogo da Maria 4 450 05/16/2009 - 00:28 Portuguese
Poesia/Fantasy O louco poeta. (dia de visita). 4 665 05/19/2009 - 15:45 Portuguese
Poesia/Meditation Viagem astral 2 663 05/20/2009 - 02:38 Portuguese
Poesia/Love A espera do acaso 1 803 05/22/2009 - 00:14 Portuguese
Poesia/Meditation Ser poeta 2 811 05/22/2009 - 11:04 Portuguese
Poesia/Meditation Sou eu e o computador 2 628 05/25/2009 - 19:02 Portuguese
Poesia/Meditation Jogo da insensatez 0 1.484 05/28/2009 - 20:13 Portuguese
Poesia/Meditation Será pura imaginação? 1 921 06/01/2009 - 14:48 Portuguese
Poesia/Meditation Me espalhafatei 2 866 06/04/2009 - 00:00 Portuguese
Poesia/Fantasy Gotas de horrores 3 808 06/10/2009 - 15:56 Portuguese
Poesia/Love Enxugando-me em êxtase 1 851 06/10/2009 - 20:42 Portuguese
Poesia/Meditation Onde habita a paz aqui na terra? 4 609 06/14/2009 - 19:43 Portuguese
Poesia/Meditation Poeta rebelde 3 1.133 06/17/2009 - 06:32 Portuguese
Poesia/Meditation Eu era 1 2.499 06/21/2009 - 07:06 Portuguese
Poesia/Comedy Vadia 2 585 06/24/2009 - 21:49 Portuguese