BRINCANDO COM AS PALAVRAS

Se o lôbrego cenário em que te fechas,
recrudesce e amodorra a tua vida,
não quero mais ouvir as tuas queixas,
fundadas na tua mente empedernida.

Cada vez que, rangendo ao meu ouvido,
me vens falar da tua fé e crença,
afadigas  meu ser que, consumido,
acredita que em ti, é já doença.

Aurindo uma doutrina em que não creio,
coleias, devagar, no meu caminho,
sem perceberes que eu, não serpenteio …

Se aquilo em que acredito, tu não crês,
prefiro mudar meu rumo, e estar sózinho,
Ao remansar da tua insensatez.

Submited by

Wednesday, November 21, 2012 - 15:54

Poesia :

No votes yet

Maria Letra

Maria Letra's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 2 hours 43 min ago
Joined: 11/20/2012
Posts:
Points: 2304

Comments

Maria Letra's picture

BRINCANDO COM AS PALAVRAS

Muito obrigada, Star Girl. Farei o mesmo em relação ao que escreves.
Um grande abraço.
Maria Letra

Star Girl's picture

"Cada vez que, rangendo ao

"Cada vez que, rangendo ao meu ouvido,
me vens falar da tua fé e crença,
afadigas meu ser que, consumido,
acredita que em ti, é já doença."

Que bela bricadeira, muito boum ler-te, andarei a apreciar mais vezes teus versos, Abraços da StarGirl!

Add comment

Login to post comments

other contents of Maria Letra

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/Intervention RESISTÊNCIA 0 925 10/20/2018 - 19:57 Portuguese
Poesia/Text Files RECOMEÇAR 4 890 10/18/2018 - 20:11 Portuguese
Poesia/Thoughts FORTES E FRACOS 0 2.321 10/18/2018 - 16:34 English
Poesia/Intervention JUSTIÇA-AMOR-RESPEITO 0 1.992 10/18/2018 - 16:31 English
Poesia/Intervention FOME OU MISÉRIA 2 3.482 03/07/2018 - 10:25 Portuguese
Poesia/Sonnet SEARCHING FOR ME 8 2.997 03/07/2018 - 10:22 English
Poesia/General SER POETA 4 1.753 02/26/2018 - 23:24 Portuguese
Poesia/General ALIMENTO... QUE TORMENTO! 2 1.100 02/26/2018 - 17:37 Portuguese
Poesia/Love AMOR ESSÊNCIA DA VIDA 0 1.813 12/10/2016 - 11:34 Portuguese
Poesia/General ESTOU COM PREGUIÇA 1 1.882 06/14/2016 - 17:00 Portuguese
Poesia/General LIBERDADE CONQUISTADA 0 1.229 06/12/2016 - 20:41 Portuguese
Poesia/General CIDADÃ DO MUNDO 0 1.540 11/02/2015 - 12:37 Portuguese
Poesia/General PEÇA TOMBADA 0 964 10/29/2015 - 23:45 Portuguese
Poesia/Intervention FRAGMENTO DE UM ÊXODO 0 2.926 08/08/2015 - 01:08 Portuguese
Poesia/General OUTRAS RAÇAS, OUTRAS GENTES 0 1.498 08/08/2015 - 00:50 Portuguese
Poesia/Poetrix ALMA AGITADA 0 2.244 08/08/2015 - 00:48 Portuguese
Poesia/Poetrix GAIVOTA ERRANTE 1 3.025 07/28/2015 - 19:48 Portuguese
Poesia/Poetrix BEIJO NÃO IDENTIFICADO 1 1.687 07/28/2015 - 19:15 Portuguese
Prosas/Tristeza UMA QUESTÃO DE PESO 0 1.591 07/26/2015 - 02:15 Portuguese
Poesia/Poetrix RUMOS 0 1.619 07/26/2015 - 02:04 Portuguese
Poesia/Poetrix QUE NINGUÉM SE CONFUNDA 0 1.294 07/25/2015 - 09:45 Portuguese
Poesia/Poetrix EXCESSO DE PESO 0 1.880 07/25/2015 - 09:39 Portuguese
Poesia/Poetrix MÚSICA DESAFINADA 0 2.366 07/16/2015 - 20:39 Portuguese
Prosas/Others ALGUÉM ME PEDIU A MINHA OPINIÃO? NÃO! MAS EU GOSTO DE DÁ-LA! 0 785 07/16/2015 - 18:10 Portuguese
Poesia/Poetrix UM PROBLEMA DE GOSTOS 0 1.738 07/13/2015 - 19:37 Portuguese