Mensagem

Não importa se você é:
preto, branco, amarelo... azul...
pardo, “clarinho” ou “escurinho”...
“de cor” ou sem cor... (ou se também tem sangue vermelho mesmo...)
rico, pobre, classe média, endividado... ou sossegado...
descontente com o corpo, gordo ou magro...
baixo, alto ou “mais ou menos”...
evangélico, católico, budista, do candomblé...
judeu, espírita, monge ou pajé...
ateu, à toa ou indiferente...
ou sem espiritualidade, simplesmente...
da ilha ou do continente...
coitado ou lutador...
“na real” ou sonhador...
“de humanas”, “de exatas” ou doutor...
“do rock”, “do samba”, “dos clássicos” ou “da MPB”...
asiático, europeu, americano,
“do mundo” ou africano...
“da terra” ou “do oceano”...
latino, saxão, mongol, nórdico, indígena, aborígene, autóctone, miscigenado...
indefinido, “junto e misturado”...
comportado, sem vergonha ou safado...
homo, hétero, trans, inter, bi ou pan sexual e afetivo...
palmeirense, Bangu, corintiano...
são paulino ou atleticano...
“do que está perdendo” ou “do que está ganhando”...
sofredor ou “relax”...
do norte ou do sul...
do oriente ou do ocidente...
“do vento noroeste”...
da cidade ou do campo,
do morro, do mato, do asfalto ou da areia...
carnívoro ou “do alface com aveia”...
bem ou mal amado,
sortudo ou injustiçado...
engajado ou alienado,
“da prosa” ou “da poesia”...
“do real” ou “da fantasia”...
sozinho, acompanhado...
descolado ou careta,
“da paz” ou “da treta”...
do carro, da moto, da carona ou só de busão...
a pé ou de bike...
do dia ou da night,
do luau, barzinho ou da agitação...
da praia ou da montanha, do inverno ou do verão...
do debate, do diálogo, da briga ou da discussão...
arrumadinho, desleixado ou “de confusão”...
feliz (ou ainda não sabe que é)...

Tudo bem:
se você se considera igual e simplesmente tão da RAÇA HUMANA quanto TODOS NÓS,
todos os outros seres humanos... sem rótulos... sem grupos... não dá a mínima para definições...
Junte-se a nós: nós somos dessa laia!
Seja bem vindo!
Aproveite a viagem e fique à vontade...

Submited by

Monday, March 27, 2017 - 14:30

Poesia :

Your rating: None (5 votes)

MaynardoAlves

MaynardoAlves's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 8 weeks 3 days ago
Joined: 05/02/2010
Posts:
Points: 597

Comments

MaynardoAlves's picture

Mensagem

Porque nos esquecemos que somos todos diferentes, porém todos iguais.
Dedicado a todos os que são do planeta Terra.

Add comment

Login to post comments

other contents of MaynardoAlves

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/Aphorism O vinhedo universal 1 1.421 02/06/2020 - 14:39 Portuguese
Poesia/Meditation Metamorfose filosófica: bênção ou maldição? 1 1.669 12/03/2018 - 16:23 Portuguese
Poesia/Intervention Aos vivos que ficam ou Epitáfio II 1 1.401 10/09/2018 - 13:41 Portuguese
Poesia/General Meu pequeno depoimento em prol do ateísmo 0 1.116 09/26/2018 - 01:17 Portuguese
Poesia/General Revolucionário... revolucionário!? 1 1.143 09/25/2018 - 18:12 Portuguese
Prosas/Others Meu pequeno depoimento em prol do ateísmo 0 1.436 09/19/2018 - 20:13 Portuguese
Poesia/Meditation O legado de um filósofo 1 1.257 09/17/2018 - 20:45 Portuguese
Poesia/Intervention Os novos mandamentos (ou melhor, conselhos) 1 1.624 08/29/2018 - 00:53 Portuguese
Poesia/Fantasy O jardim de Epicuro 1 1.579 08/22/2018 - 17:14 Portuguese
Poesia/Sadness Em (des)construção 1 1.506 08/10/2018 - 15:46 Portuguese
Poesia/Sadness Máquina do tempo 1 1.663 08/08/2018 - 17:28 Portuguese
Poesia/Sadness Valores familiares 1 1.585 08/08/2018 - 17:21 Portuguese
Poesia/Thoughts Um lugar para chamar de seu 1 1.541 08/08/2018 - 17:14 Portuguese
Poesia/Meditation Humilde-se! 1 1.491 05/21/2018 - 12:41 Portuguese
Poesia/Sadness Um inferno (para um poeta) 1 1.680 05/21/2018 - 12:34 Portuguese
Prosas/Others Onde? 2 1.441 03/08/2018 - 18:41 Portuguese
Poesia/Comedy Meu amigo ócio 4 1.620 03/06/2018 - 16:20 Portuguese
Poesia/General Promessas para uma vida nova 2 1.805 03/05/2018 - 21:09 Portuguese
Poesia/Meditation Se Deus existisse... 4 1.482 03/05/2018 - 20:56 Portuguese
Poesia/Intervention Onde? 18 1.956 01/03/2018 - 19:28 Portuguese
Poesia/Meditation Um instante infinito 1 1.536 11/17/2017 - 15:00 Portuguese
Poesia/Disillusion Ainda no exílio (desde os dias de Gonçalves Dias) 1 1.683 11/08/2017 - 12:38 Portuguese
Poesia/Song Sem título (por luto) 1 1.553 10/27/2017 - 15:34 Portuguese
Poesia/General Mensagem 1 1.643 03/27/2017 - 14:50 Portuguese
Poesia/Aphorism O exagero de Sócrates 0 1.390 10/14/2016 - 20:50 Portuguese