Surrealidades

Um espaço. Indefinido.
Uma cama. Ao acaso.
Ela, enrolada. Talvez nua.
Ele, aperaltado.
Como no dia do seu nascimento.
Um outro. Que a ela lhe era querido,
cúmplice do momento
aplainando terreno movediço.
Uma outra. Entrando no espaço interdito,
deixava peças de roupa nas molas de plástico,
Desajeitada. Pertinaz no acontecimento.
Um filme a ser rodado,
já nas cenas finais.
Encontros de para sempre.
Cumpria-se o destino.
E ela? Continuava deitada,
espantada de sua fortuna.
E veio ainda uma outra,
amiga de longa data,
dizer de sua justiça.
Tudo estado de graça.
Era a mudança da casa.
E ele? Apenas amava
a rainha do seu jogo preferido,
enquanto se calçava para fazer caminho…

Surrealidades.
Pegadas decalcadas no sonho.
Ténue a linha.
Sonhos. Realidades.
Desejos im-prováveis…

OF – 02-10-15 - Imagem em http://portate-mal.blogspot.pt/2015/12/surrealidades.html

Submited by

Domingo, Diciembre 13, 2015 - 19:07

Poesia :

Su voto: Nada (1 vote)

Odete Ferreira

Imagen de Odete Ferreira
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 1 año 4 semanas
Integró: 01/11/2011
Posts:
Points: 1924

Comentarios

Imagen de Joel

obrigado pela visita

obrigado pela visita

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of Odete Ferreira

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Poesia/General Semeio-me de Natal 0 1.528 12/23/2014 - 00:14 Portuguese
Poesia/Meditación Beleza horizontal 0 1.175 12/05/2014 - 20:07 Portuguese
Poesia/General Tens o milagre na mão 0 748 11/17/2014 - 02:27 Portuguese
Poesia/Dedicada E eu seguia-te 0 788 11/08/2014 - 17:06 Portuguese
Poesia/Soneto Resgate 0 1.412 11/03/2014 - 01:47 Portuguese
Poesia/Tristeza Vazios 0 994 10/21/2014 - 16:01 Portuguese
Poesia/General Versos molhados 0 699 10/09/2014 - 00:52 Portuguese
Poesia/Fantasía Da vida extraímos sinfonia 0 969 10/03/2014 - 00:57 Portuguese
Poesia/General Faltou arrojo a este outono 0 1.189 09/25/2014 - 00:36 Portuguese
Poesia/Amor O que o abraço não disse 2 765 09/09/2014 - 14:59 Portuguese
Poesia/General Basta um olhar desperto 2 754 07/28/2014 - 00:11 Portuguese
Poesia/Intervención Tragicomédia de um verão português 0 533 06/27/2014 - 00:37 Portuguese
Poesia/Fantasía E sorri à madrugada 0 747 06/22/2014 - 22:50 Portuguese
Poesia/Intervención E da boca caem palavras azedas 2 916 06/18/2014 - 19:46 Portuguese
Prosas/Otros Crónica de um hoje 2 816 06/07/2014 - 19:15 Portuguese
Poesia/Intervención Ventos de Maio 2 397 06/07/2014 - 19:11 Portuguese
Poesia/Meditación Todo o espaço é um não tempo 2 837 05/26/2014 - 23:27 Portuguese
Poesia/General Viajante do mundo 0 584 05/15/2014 - 01:30 Portuguese
Poesia/General Sorrio-te criança poesia 0 543 04/06/2014 - 01:21 Portuguese
Poesia/Dedicada Para lá do palco 0 398 03/27/2014 - 23:53 Portuguese
Poesia/Dedicada Memorial I 0 684 03/20/2014 - 01:10 Portuguese
Poesia/Dedicada Mulher, emotiva sedução 0 614 03/08/2014 - 16:52 Portuguese
Poesia/Soneto A uma ausência não querida 0 661 03/02/2014 - 01:10 Portuguese
Poesia/Fantasía Arco-íris, miragem de ti 0 659 02/19/2014 - 17:15 Portuguese
Poesia/Desilusión Hoje estou magoada 0 573 02/09/2014 - 21:19 Portuguese