O TRIBUNAL DE OSIRIS

Não há mais vida.
Não há mais morte.
Esqueça tua avenida.
Não te orientes pelo norte.

Não há mais em que pensar.
Não queira te animar na sorte.
Não mais serás perseguido pelo azar.

Agora descansas na sala das duas verdades.
Estás despido dos teus desejos e tuas vontades.
A sala mortuária iluminada te parecerá sombria
e convenientemente propícia para a tua psicostasia.

Aqui é o tribunal de OsirIs
e ele saberá se tu mentires.
Anúbis tem uma só medida
e a sagrada balança já está inclinada.
Para a vida eterna tu não tens partida.
Teu coração pesou mais que a pena.
Tua peregrinação já foi julgada.
Desperdiçaste tua vida terrena.

O que fizeste do teu passado é o teu presente.
Não existe nenhum caminho para te conduzir adiante.
Não há noção de futuro, nem a percepção do presente.
Não adianta pedir ajuda ao teu grande mentor, ao teu hierofante.
Tudo acabou; agora estás só. Morreu o caminheiro das areias errante.

J. Thamiel
Guarulhos, 08.10.17
09:29h

Submited by

Domingo, Octubre 8, 2017 - 13:56

Poesia :

Sin votos aún

J. Thamiel

Imagen de J. Thamiel
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 1 día 5 horas
Integró: 05/02/2016
Posts:
Points: 2779

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of J. Thamiel

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Poesia/Desilusión Longa Espera 0 495 08/30/2017 - 12:11 Portuguese
Poesia/Amor Um brilho brilha ainda 0 348 08/26/2017 - 22:07 Portuguese
Poesia/General A banda... 0 669 08/23/2017 - 18:00 Portuguese
Poesia/General Inocência 0 507 08/18/2017 - 13:52 Portuguese
Poesia/General P A U S A 0 480 08/18/2017 - 13:38 Portuguese
Poesia/Amor P A I X Ã O 0 330 08/17/2017 - 13:26 Portuguese
Poesia/General T R A L H A S 0 624 08/14/2017 - 18:54 Portuguese
Anúncios/Varios - En Venta Crônicas de Púlpito 0 1.006 08/11/2017 - 15:52 Portuguese
Poesia/General E, EU ME ENCAFIFO 0 512 08/10/2017 - 20:14 Portuguese
Poesia/General O EXÉRCITO DOS PERNAS DE PAU 0 428 08/04/2017 - 13:15 Portuguese
Poesia/General S I M B I O S E 0 709 07/26/2017 - 15:34 Portuguese
Poesia/General ESTRADA NO MAR 0 1.935 07/20/2017 - 12:10 Portuguese
Poesia/Fantasía HORIZONTE 0 805 07/18/2017 - 12:22 Portuguese
Poesia/General ESSE POETA IRRITANTE 0 597 07/15/2017 - 22:15 Portuguese
Poesia/Meditación ORGANIZAÇÃO DIVINA E CAÓTICA 0 525 07/13/2017 - 12:50 Portuguese
Poesia/General DESCABIDO 0 701 07/11/2017 - 13:13 Portuguese
Poesia/Desilusión ESTRANHA ESTÓRIA, NÃO É AMOR? 0 644 07/05/2017 - 22:10 Portuguese
Poesia/General A ESFINGE 0 921 06/27/2017 - 16:15 Portuguese
Poesia/Meditación CRUZAMENTO CENTRÍFUGO 0 378 06/21/2017 - 18:28 Portuguese
Poesia/General ÀS VEZES, POESIA 0 539 06/14/2017 - 15:10 Portuguese
Poesia/General PERDIDOS NO TEMPO - (o tempo é o melhor conselheiro) 0 962 06/13/2017 - 14:41 Portuguese
Poesia/General E AS VACAS? 0 683 06/08/2017 - 16:31 Portuguese
Poesia/General SEGUNDA-FEIRA SEM SENTIDO 0 424 06/06/2017 - 15:47 Portuguese
Poesia/Comedia DITOS NÃO DITOS 0 491 06/02/2017 - 12:59 Portuguese
Poesia/General HÁ TEMPO PARA TUDO 0 601 05/28/2017 - 04:34 Portuguese