SONETO DO FRANGO MORTO

Por destino eu não fui ao estrangeiro
Em viagens às vezes aos pedaços
Os insumos tornaram-se escassos
E a fome me preservou por inteiro

Diferente de ser cachorro ou gato
Eu fui apenas um frango sem nome
Serviria só pra matar a fome
Em simples ou sofisticado prato

Numa vala durmo o eterno sono
Junto aos meus irmãos eu paguei o preço
Depois da exploração e o opróbrio

Sem o poder de dar dinheiro ao dono
Por quem nem ser lembrado eu mereço
Hoje sou prato de verme e micróbio

Sérgio da Silva Teixeira
Bagé/RS.

Submited by

Martes, Mayo 29, 2018 - 17:29

Poesia :

Sin votos aún

Sérgio Teixeira

Imagen de Sérgio Teixeira
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 2 semanas 11 horas
Integró: 01/24/2011
Posts:
Points: 311

Comentarios

Imagen de J. Thamiel

coment

Isto é que é talento.

Imagen de Sérgio Teixeira

Obrigado pelo incentivo amigo

Obrigado pelo incentivo amigo J. Thamiel. Bondade sua.

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of Sérgio Teixeira

Tema Títuloordenar por icono Respuestas Lecturas Último envío Idioma
Poesia/General A ILUSÃO DE SER POETA 2 232 04/04/2019 - 19:50 Portuguese
Poesia/General A MÁGOA DO TEMPO 1 218 12/10/2018 - 14:41 Portuguese
Poesia/General A PRIMAVERA E O TEMPO 2 510 09/24/2017 - 16:06 Portuguese
Poesia/Desilusión A VIDA É BELA 2 505 08/11/2012 - 23:51 Portuguese
Poesia/General A VIDA E O NADA 0 253 01/22/2019 - 08:20 Portuguese
Poesia/General AGUACEIRO NO INVERNO 2 443 09/04/2018 - 18:20 Portuguese
Poesia/Tristeza AS FLORES FIÉIS 0 124 04/12/2019 - 19:07 Portuguese
Poesia/General BOMBONS E COELHOS 3 492 04/02/2018 - 17:42 Portuguese
Poesia/General CANTO, SILÊNCIO E LIBERDADE 3 323 06/03/2019 - 12:39 Portuguese
Poesia/General CIÚME DOS TEMPORAIS 3 341 10/11/2018 - 15:34 Portuguese
Musica/Pop CONTRASTES DE INVERNO 0 802 08/28/2018 - 21:55 Portuguese
Poesia/General DE QUEM VIAJA NO TEMPO 1 263 12/17/2018 - 11:45 Portuguese
Poesia/General DESAPEGO 3 421 05/15/2018 - 03:42 Portuguese
Poesia/General DESPEDIDA NA FRONTEIRA (VOYAGER 1) 0 529 08/08/2011 - 22:23 Portuguese
Poesia/Tristeza DIA DE FINADOS 2 418 11/25/2018 - 16:57 Portuguese
Poesia/Dedicada ETERNO VAZIO 3 580 05/07/2011 - 17:21 Portuguese
Poesia/General EXTERMÍNIO 2 540 03/26/2011 - 20:16 Portuguese
Poesia/Soneto FUNERAL 2 483 01/22/2018 - 23:37 Portuguese
Poesia/General LÁ ONDE MORO 0 318 04/12/2013 - 14:25 Portuguese
Anúncios/Varios - En Venta LIVROS DE MINHA AUTORIA 0 782 03/26/2014 - 18:22 Portuguese
Poesia/Dedicada LUA DE SANGUE 4 473 07/29/2018 - 15:24 Portuguese
Poesia/Dedicada MISS UNIVERSO DE ANGOLA 2 568 09/17/2011 - 21:39 Portuguese
Poesia/General MUITO ALÉM DO MÊS DE ABRIL 0 104 04/02/2019 - 00:10 Portuguese
Poesia/General NATAL, FESTA COMERCIAL 1 364 12/23/2017 - 23:21 Portuguese
Poesia/General NOVAS E VELHAS NOVIDADES 0 274 07/26/2018 - 22:03 Portuguese