CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Soneto

Título Views Respostas ícone de ordenação
csantos
imagem de csantos
...vou voando...

por entre as nuvens, vou voando
como um avião que trespassa a densa bruma
imagino o...

1.384 2 qui,12-fev-2009
camoes
imagem de camoes
A GUERRA

São foguetes e balas, é um tiroteio
Canhões de lágrimas de metal
Oiçam, oiçam este...

522 4 sex,20-fev-2009
SRaven
imagem de SRaven
Se o Tempo Voltasse...

Se a voz do meu silêncio se apagasse
Nas tempestades da devastação,
Talvez o meu...

365 3 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
A Morte, que da vida o nó desata

A Morte, que da vida o nó desata,
os nós, que dá o Amor, cortar quisera
na Ausência...

689 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
À romana Populónia perguntava

À romana Populónia perguntava
um certo curioso e não prudente
porque a alimária...

396 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
Alma gentil, que à firme Eternidade

Alma gentil, que à firme Eternidade
subiste clara e valerosamente,
cá durará de ti...

335 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
Amor, co a esperança já perdida

Amor, co a esperança já perdida,
teu soberano templo visitei;
por sinal do naufrágio...

1.254 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
Árvore, cujo pomo belo e brando

Árvore, cujo pomo belo e brando
Natureza de leite e sangue pinta,
onde a pureza, de...

357 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
Bem sei, Amor, que é certo o que receio

Bem sei, Amor, que é certo o que receio;
mas tu, porque com isso mais te apuras,
de...

301 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
Cá nesta Babilónia, donde mana

Cá nesta Babilónia, donde mana
matéria a quanto mal o mundo cria;
cá onde o puro...

297 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
Cara minha inimiga, em cuja mão

Cara minha inimiga, em cuja mão
pôs meus contentamentos a Ventura,
faltou-te a ti na...

1.240 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
Com grandes esperanças já cantei

Com grandes esperanças já cantei,
com que os deuses no Olimpo conquistara;
despois...

655 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
«Como fizeste, Pórcia, tal ferida?

«Como fizeste, Pórcia, tal ferida?
Foi voluntária, ou foi por inocência?»
«Mas foi...

320 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
Como podes, ó cego pecador

Como podes, ó cego pecador,
estar em teus errores tão isento,
sabendo que esta vida...

243 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
Contente vivi já, vendo-me isento

Contente vivi já, vendo-me isento
deste mal, de que a muitos queixar via.
Chamam-lhe...

300 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
Conversação doméstica afeiçoa

Conversação doméstica afeiçoa,
ora em forma de boa e sã vontade,
ora de üa amorosa...

339 1 dom,22-fev-2009
LuisVazdeCamoes
imagem de LuisVazdeCamoes
Correm turvas as águas deste rio

Correm turvas as águas deste rio,
que as do céu e as do monte as enturbaram;
os...

895 1 dom,22-fev-2009

Divulgar conteúdo