CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Torniquete

Torniquete

A tômbola anda depressa,
Nem sei quando irá parar ---
Aonde, pouco me importa;
O importante é que pare...
--- A minha vida não cessa
De ser sempre a mesma porta
Eternamente a abanar...

Abriu-se agora o salão
Onde há gente a conversar.
Entrei sem hesitação ---
Somente o que se vai dar?
A meio da reunião,
Pela certa disparato,
Volvo a mim a todo o pano:

Às cambalhotas desato,
E salto sobre o piano...
--- Vai ser bonita a função!
Esfrangalho as partituras,
Quebro toda a caqueirada,
Arrebento à gargalhada,
E fujo pelo saguão...

Meses depois, as gazetas
Darão críticas completas,
Indecentes e patetas,
Da minha última obra...
E eu --- prà cama outra vez,
Curtindo febre e revés,
Tocado de Estrela e Cobra...

Mário de Sá-Carneiro

Submited by

quarta-feira, abril 1, 2009 - 00:14

Poesia Consagrada :

No votes yet

MariodeSaCarneiro

imagem de MariodeSaCarneiro
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 18 semanas
Membro desde: 03/31/2009
Conteúdos:
Pontos: 120

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of MariodeSaCarneiro

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Fotos/ - Mario de Sa Carneiro 0 580 11/23/2010 - 23:33 Português
Poesia Consagrada/Geral Ângulo 0 425 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Sete Canções de Declínio 0 382 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Taciturno 0 438 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Apoteose 0 410 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral 7 0 449 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Vislumbre 0 315 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral 16 0 436 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral A Queda 0 293 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Rodopio 0 283 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Vontade de Dormir 0 371 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Inter-Sonho 0 260 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Escavação 0 293 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Partida 0 240 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Ápice 0 304 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Amor O amor 0 672 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Serradura 0 427 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Estátua Falsa 0 525 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Caranguejola 0 482 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Manucure 0 488 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Crise Lamentável 0 444 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral O Fantasma 0 432 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral El-Rei 0 376 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral AQUELOUTRO 0 462 11/19/2010 - 15:49 Português
Poesia Consagrada/Geral Quasi 0 473 11/19/2010 - 15:49 Português