CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Soneto para partir depressa

Para dentro de mim viajo em meu peito.
Atrás ficam os ecos das sentenças
– desenhadas com sopros nas areias –
que usei para pregar nos meus desertos.

Viajo sem equipagem nem trajeto
previamente traçado, sem tristezas,
assim como quem vai, por negligência,
nas ondas vagarosas do silêncio.

Não levo o peso de um inútil fardo
nessa viagem aos mapas de mim mesma:
já basta carregar a cruenta marca

da cicatriz em cruz que tem rasgado
na pele dócil das minhas certezas
um só punhal e tantas punhaladas.
 

Submited by

quarta-feira, maio 4, 2011 - 21:42

Ministério da Poesia :

No votes yet

Tania Alegria

imagem de Tania Alegria
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 38 semanas
Membro desde: 05/02/2011
Conteúdos:
Pontos: 156

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Tania Alegria

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Ministério da Poesia/Soneto Evangelio de exorcismos 0 329 05/02/2011 - 23:34 Português
Ministério da Poesia/Soneto Reparte-as o vento 0 260 05/02/2011 - 23:38 Português
Ministério da Poesia/Soneto Esperando o amor sem crer que exista 0 298 05/02/2011 - 23:41 Português
Ministério da Poesia/Soneto Sempre que morro 0 238 05/02/2011 - 23:44 Português
Ministério da Poesia/Soneto Não fomos mais que dois 0 163 05/02/2011 - 23:47 Português
Ministério da Poesia/Soneto Naufrágios de domingo 0 276 05/02/2011 - 23:50 Português
Ministério da Poesia/Soneto Vendaval 0 260 05/02/2011 - 23:58 Português
Ministério da Poesia/Soneto Comigo levo abismos 0 254 05/04/2011 - 21:16 Português
Ministério da Poesia/Soneto O segredo das horas 0 307 05/04/2011 - 21:20 Português
Ministério da Poesia/Soneto Presságio 0 163 05/04/2011 - 21:25 Português
Ministério da Poesia/Soneto A Negra 0 669 05/04/2011 - 21:35 Português
Ministério da Poesia/Soneto Soneto para partir depressa 0 621 05/04/2011 - 21:42 Português
Ministério da Poesia/Soneto Credo de mulher 0 759 05/04/2011 - 21:47 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Ronda 0 397 05/04/2011 - 21:53 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Legado 0 385 05/04/2011 - 22:03 Português
Ministério da Poesia/Poetrix De encruzilhada 0 395 05/04/2011 - 22:16 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Venho matar-te 0 526 05/04/2011 - 22:20 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Carta 0 363 05/04/2011 - 22:55 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Arautos 0 360 05/04/2011 - 23:02 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Cambalacho 0 179 05/04/2011 - 23:08 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Gerúndio 0 338 05/04/2011 - 23:12 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Sul 0 380 05/04/2011 - 23:20 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Um punhado de argila 0 352 05/04/2011 - 23:24 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Espero uma palavra 0 302 05/04/2011 - 23:27 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Forjar silêncios 0 264 05/04/2011 - 23:32 Português