CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

A Chave

No silêncio da noite
Nas pontas dos pés
Sorrateiro
Adentrou o quarto escuro.
Na esperança de encontrar
Aquela que o desprezou
Derradeiro
Suspiro de amor.
O frio que percorreu seu corpo
Já demonstrava agonia
Desespero
De uma vida sofrida.
Ela já não estava lá
Pois havia partido
A chave
Havia destrancado a porta!

Odair José
Poeta e Escritor Cacerense

http://odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

terça-feira, fevereiro 2, 2010 - 13:49

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 dias 3 horas
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 4120

Comentários

imagem de jopeman

Re: A Chave

nunca se deve deixar a porta de saída do amor aberta

gostei

abraço

imagem de Henrique

Re: A Chave

A chave encontrada num suspiro de amor...

:-)

imagem de Claudia_Martins

Re: A Chave

Um amor que partiu relatado em poesia!
Gostei!
xoxo

imagem de RobertoEstevesdaFonseca

Re: A Chave

Deu-me a impressão de um poema que denota um sentimento além da vida.

Perdoe-me se errei na interpretação.

Gostei muito.

Um abraço,
REF

imagem de danyfilipa

Re: A Chave

um amor que partiu...
adorei seu poema :-)

imagem de MarneDulinski

Re: A Chave

BELO POEMA, GOSTEI MUITO!

Meus parabéns,
Marne

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Títuloícone de ordenação Respostas Views Last Post Língua
Críticas/Jogos Brasil! Ame-o ou deixe-o! 0 990 05/30/2014 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos Buraco negro de uma eterna solidão 0 391 12/27/2018 - 20:13 Português
Poesia/Amor Busco o seu olhar na minha mente 0 281 03/22/2019 - 18:39 Português
Poesia/Geral Cáceres - Paixão de Poeta 1 862 03/05/2010 - 03:37 Português
Poesia/Dedicado Cáceres - Paixão de Poeta 0 917 07/29/2015 - 14:20 Português
Poesia/Dedicado Cáceres 231 anos - Parabéns Princesa! 4 513 10/06/2009 - 21:34 Português
Prosas/Outros Cáceres 231 anos! 0 692 11/18/2010 - 22:51 Português
Poesia/Alegria Cáceres em versos e reversos 0 652 07/14/2015 - 22:37 Português
Poesia/Amor Cada minuto 1 400 07/13/2014 - 23:04 Português
Poesia/Amor Cada minuto 0 476 09/12/2014 - 00:43 Português
Poesia/Amor Cada verso é uma gota de suor 0 562 05/29/2014 - 19:23 Português
Poesia/Meditação Cadáveres ambulante 1 2.361 06/23/2010 - 19:21 Português
Poesia/Desilusão Caminhos 2 554 07/17/2010 - 22:23 Português
Poesia/Desilusão Caminhos Diferentes 1 716 06/21/2009 - 06:32 Português
Poesia/Canção Canção do não retorno 6 1.924 07/22/2009 - 19:46 Português
Poesia/Desilusão Canção do não retorno 0 233 06/19/2019 - 22:28 Português
Poesia/Tristeza Castigo ou maldade? 4 400 07/28/2009 - 12:38 Português
Poesia/Pensamentos Catarse 0 701 07/23/2019 - 00:37 Português
Poesia/Tristeza Cativo às amarras da saudade 1 624 05/12/2010 - 19:42 Português
Poesia/Desilusão Cativo às amarras da saudade 0 280 02/04/2019 - 23:27 Português
Poesia/Amor Chegada e partida 0 784 06/18/2011 - 00:32 Português
Prosas/Pensamentos Cidade sem Cabaré 1 722 04/29/2010 - 20:35 Português
Prosas/Contos Coisas do Amor 0 944 01/21/2011 - 20:01 Português
Poesia/Amor Colapso 2 463 05/29/2014 - 19:12 Português
Poesia/Canção Com você estar 0 212 10/24/2019 - 22:39 Português