CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Controle

Queria muito entender
Como funciona o sistema
Não é possível saber
Se é o mercado
Que controla o estado
Ou se é o estado
Que controla o mercado.

Só é possível perceber
Uma forma de dominação
Que faz da alienação
Uma forma de viver.

Há um mundo tão cruel
Mas, não parece ser real
Cercado pelo mal
Amargo como fel.

Esse controle tão severo
De uma sociedade perversa
Causa-nos uma náusea
No coração
Desolado pela razão inversa
De uma triste ilusão.

Libertar-nos-emos?
Só se pensarmos
Nos nossos próprios enganos
Saber que somos humanos
Dependentes de Deus
Que pode libertar os seus.

Abra os olhos para a vida
Deixe raiar o sol da justiça
No seu coração sofredor
Aceite aquele grande amor
Oferecido na cruz
Pelo Filho de Deus!

Poema: Odair José, o Poeta Cacerense

http://odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

terça-feira, janeiro 12, 2016 - 19:02

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Online
Título: Membro
Última vez online: há 1 hora 54 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 4060

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor A brisa suave lá fora 0 783 09/25/2018 - 23:56 Português
Poesia/Amor Ao acordar ainda senti o seu perfume 0 478 09/25/2018 - 23:31 Português
Prosas/Contos O senhor acabou com a vida da minha mãe 0 895 09/18/2018 - 00:47 Português
Poesia/Tristeza O tempo que não passou em mim 0 557 08/31/2018 - 23:28 Português
Prosas/Drama Encontro fatal 1 1.490 08/02/2018 - 15:43 Português
Poesia/Meditação Na voracidade do tempo 0 882 07/04/2018 - 00:12 Português
Poesia/Meditação Escrevo e descrevo minh’alma 0 934 06/13/2018 - 00:33 Português
Poesia/Meditação Não deixe vacilar os meus pés 0 756 06/13/2018 - 00:31 Português
Poesia/Desilusão Espinhos 0 1.208 06/05/2018 - 19:48 Português
Poesia/Amor Veneno 0 1.362 06/04/2018 - 17:57 Português
Poesia/Pensamentos A dor do poeta 0 1.214 05/23/2018 - 19:05 Português
Poesia/Tristeza O lado escuro do sol 0 693 05/23/2018 - 02:25 Português
Poesia/Fantasia Pele morena 0 712 05/22/2018 - 02:05 Português
Prosas/Drama Nos olhos negros daquela mulher 0 746 05/21/2018 - 18:57 Português
Poesia/Desilusão Palavras vazias 0 864 05/19/2018 - 00:37 Português
Poesia/Desilusão Queria tanto 0 737 05/16/2018 - 01:59 Português
Poesia/Desilusão A invenção das inverdades 0 576 05/16/2018 - 01:24 Português
Poesia/Tristeza O trágico fim do amor 0 499 05/15/2018 - 18:44 Português
Poesia/Amor Debaixo da Figueira 0 687 05/14/2018 - 23:21 Português
Poesia/Amor Que seu coração era como as areias do mar 0 453 05/12/2018 - 00:01 Português
Poesia/Amor O anelo de um sonho lindo 0 614 05/08/2018 - 23:23 Português
Poesia/Amor E se eu não tivesse encontrado você 0 969 05/08/2018 - 22:37 Português
Poesia/Tristeza Onde o cão e o lobo uivam para a lua 0 713 05/03/2018 - 23:16 Português
Poesia/Amor Saiu da alma, virou poesia 0 329 05/03/2018 - 02:23 Português
Poesia/Dedicado Homenagem a uma professora 0 494 05/02/2018 - 02:43 Português