CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Distrofia Social

A tentativa de progressão é efémera
mesmo que com vontade agreste de a concretizar
quando a incorrecta mão não a afaga
e a deixa perene e por consolar

quando nos medra de desdita e ansiedade
com a eterna efémera carência da necessidade
entre a inconfidência dos nossos querer
e da nos apresentada, e possibilitada, na realidade

do que nos dão para a mão, e a verdade.
Daquilo que podemos e sabemos que sabemos,
com aquilo que nos permitem, e tentam destruir os nossos crendos,
através da construção dos seus novos manipulistas e absolutistas ditongos.

tomam de menos a nossa existência, o nosso ser,
e de mais seus umbilicais ensejos e desejos,
seus incontroláveis e guturais regozijos,
viscerais e incomensuráveis contentamentos

Mesmo que para isso,
todos à volta tenham que perder seus alentos
seus sonhos, alegrias e sentimentos
suas necessidades, vontades e acentos,

E assim gira o mundo...
Se prova e comprova como se sonegam futuros...
Se perde a humanidade dos seus maiores talentos,
sua criatividade, iniciativa e a vontade dos seus movimentos...

Se esfria o progresso da raça dos seres humanos,
e o presente dos seus rebentos.


Submited by

segunda-feira, fevereiro 17, 2014 - 18:04

Poesia :

No votes yet

Rui Lima

imagem de Rui Lima
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 anos 30 semanas
Membro desde: 03/04/2011
Conteúdos:
Pontos: 1584

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Rui Lima

Tópico Título Respostasícone de ordenação Views Last Post Língua
Prosas/Outros Excelentes noticias para quem é míope como eu(apesar de poucoxinho)... para quem não sabe míope é ver mal ao longe... 2 1.308 09/07/2011 - 13:36 Português
Poesia/Aforismo passa o tempo corridío devagar... 2 845 09/13/2011 - 00:09 Português
Poesia/Paixão olhos castanhos cor de mel 2 1.492 02/08/2012 - 13:00 Português
Poesia/Geral generalidades das "personas" 2 977 02/08/2012 - 12:52 Português
Poesia/Geral inspiração procura-se desesperadamente 2 918 02/08/2012 - 12:55 Português
Poesia/Fantasia A calma aturdida pela instância 2 1.319 01/08/2012 - 15:27 Português
Poesia/Intervenção O Quebra-Cabeças das diferenças entre as classes 2 865 02/08/2012 - 11:17 Português
Poesia/Meditação Um Rio 2 1.119 02/08/2012 - 12:46 Português
Prosas/Pensamentos [Pensamento/Reflexão]1 caminho de 2 sentidos... 2 1.401 01/31/2012 - 14:29 Português
Poesia/Pensamentos [Pensamento/Reflexão]O sentido da «caminhada» 2 1.444 11/22/2012 - 12:59 Português
Poesia/Aforismo Entre o desconexo e o tempo 2 1.276 03/26/2012 - 08:46 Português
Prosas/Outros A China e o Resto do Mundo(uma visão do futuro que nos espera...) 2 1.165 03/26/2012 - 08:54 Português
Poesia/Pensamentos e a inercia teima em não deixar acontecer o amanhã 2 878 03/26/2012 - 08:47 Português
Poesia/Geral grito mudo 2 1.038 09/04/2012 - 10:48 Português
Poesia/Pensamentos [Pensamento/Reflexão]Humildade Vs. Humilhação 2 1.976 09/04/2012 - 10:53 Português
Poesia/Paixão Lançam-se os dados 2 978 09/04/2012 - 10:55 Português
Poesia/Pensamentos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]A(s) ideologia(s) politica(s) do século XXI 2 1.453 09/16/2012 - 21:54 Português
Poesia/Geral Aquilo que domina a vida... Vivida 2 929 11/22/2012 - 12:57 Português
Poesia/Geral Momentaneamente 2 939 11/21/2012 - 19:10 Português
Poesia/Geral Sonhar 2 553 03/27/2013 - 22:21 Português
Poesia/Geral INTENSAMENTE 2 2.263 09/02/2013 - 21:09 Português
Poesia/Geral folha branca de papel 2 2.671 05/30/2014 - 16:32 Português
Poesia/Intervenção A irrealidade de possuir alguém 3 1.347 04/01/2011 - 05:13 Português
Prosas/Outros Ancestral e sisuda, Sé é o epicentro de Braga, em Portugal 3 21.269 06/11/2019 - 09:38 Português
Poesia/Pensamentos realidade social 3 1.219 07/20/2011 - 23:36 Português