CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

A estrada a seguir

Teve dúvidas se era apenas um sonho
Ou se os deuses realmente estavam lá
Do alto eles olhavam a confusão
Riam dos burburinhos e desacertos
Debochavam dos humanos
Em sua eterna ignorância.

Não sabia ao certo se era a estrada a seguir
Apenas caminhou até o crepúsculo
Levado apenas pelo desejo dos pensamentos
Com a esperança em frangalhos
E nem notou as flores pelo caminho.

A eternidade parecia ser nada
Para quem desejava sonhar por muito tempo
Nem mesmo os sorrisos de felicidade
Das crianças que corriam pela campina
Poderia apagar as lembranças desse tempo.

No silêncio da noite escura
Em seu quarto sozinho a pensar
Podia ver a existência que passava
Tão fugaz como o vento que traz a tempestade
E deixa a destruição além de si.

O tempo agora já se foi
A velhice chegou com sua simpática presença
Dizendo que não outra saída
Porque estamos destinados ao fim
Que toda estrada um dia nos apresenta.

Em silêncio adormece na sua indignação
Sem saber que fez além do que imaginou
Não sabe que muito longe dali
O tempo corre tão devagar
Que eterniza suas memórias para sempre.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

quinta-feira, setembro 8, 2022 - 19:33

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Online
Título: Membro
Última vez online: há 38 segundos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 9140

Comentários

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor Outra vez 3 27 12/04/2022 - 10:54 Português
Poesia/Amor Na minha imaginação 3 40 12/03/2022 - 21:30 Português
Poesia/Pensamentos Um mundo simples 3 73 12/03/2022 - 10:32 Português
Poesia/Meditação O aperto no peito 3 54 12/02/2022 - 22:08 Português
Poesia/Paixão Inexplicável força da paixão 3 107 12/02/2022 - 11:59 Português
Poesia/Desilusão Meu coração que se foi 3 55 12/01/2022 - 10:28 Português
Poesia/Intervenção A solidão dos vivos 3 51 11/30/2022 - 10:25 Português
Poesia/Meditação Ele veio por nós 3 44 11/29/2022 - 21:33 Português
Poesia/Meditação Deus é bom! 26 160 11/29/2022 - 17:28 Português
Poesia/Desilusão Falta de você 3 51 11/27/2022 - 10:23 Português
Poesia/Paixão Paixão indescritível no ar 3 42 11/26/2022 - 10:33 Português
Poesia/Paixão Cortinas 3 61 11/25/2022 - 13:12 Português
Poesia/Pensamentos Demiurgos escondidos 3 53 11/24/2022 - 22:50 Português
Poesia/Geral Ratos de esgoto 3 64 11/23/2022 - 23:51 Português
Poesia/Desilusão Essa noite não dormi 3 57 11/23/2022 - 18:41 Português
Poesia/Pensamentos Muito mais do que tudo isso que digo agora 3 67 11/23/2022 - 01:20 Português
Poesia/Intervenção Flagelo 3 129 11/21/2022 - 11:06 Português
Poesia/Alegria Copa do Mundo de Futebol 3 60 11/20/2022 - 11:02 Português
Poesia/Meditação Ser Negro 3 108 11/20/2022 - 10:59 Português
Poesia/Desilusão Uma temporada no Inferno 3 60 11/19/2022 - 13:12 Português
Poesia/Meditação Passos impensados 3 91 11/18/2022 - 19:04 Português
Poesia/Desilusão Atraído pela ilusão 3 114 11/17/2022 - 18:46 Português
Poesia/Desilusão Outra noite 3 85 11/16/2022 - 18:24 Português
Poesia/Amor A ilusão criada pelo olhar 3 125 11/15/2022 - 11:05 Português
Poesia/Amor Não sabia o que fazer de mim 3 146 11/14/2022 - 10:42 Português