CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

[Ilusão]

Quantas verdades são necessárias,
Para construir uma mentira?
Quantas manchetes,
Para te fazer refém?
Falsas escolhas,
Diferentes ilusões...
Verdades feitas para atacar.
Presos de discursos,
Causas que servem
Apenas para interesses.
A falsa duvida...
Travestida de bondade.
Bonecos manipuláveis
Vestidos pela razão,
Um discurso de confetes...
Que não enche o prato de feijão.
Os novos (Reis?), agora...
Usam cargos políticos e manipulação.
Justiça seja feita?
Só pra quem tem o bolso cheio,
Pra servir de “inspiração”...
(Falta culhão ao cidadão!)
Pensar sem rédeas,
Faz gastar a sola do sapato.
Em um lugar aonde todos vivem cercados,
A morte é sempre certa...
Com ou sem escravidão.
Rei morto, rei posto...
Mudam-se os nomes
Continuam os luxos e os desejos,
Ao povo, migalhas...
Ilusão.

Submited by

segunda-feira, março 13, 2017 - 14:26

Poesia :

No votes yet

Pablo Gabriel

imagem de Pablo Gabriel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 semanas 2 dias
Membro desde: 05/02/2011
Conteúdos:
Pontos: 2881

Comentários

imagem de Deby

Muito Lindo, mundo de

Muito Lindo, mundo de ilusão!!!

imagem de Pablo Gabriel

Obrigado Deby, continue

Obrigado Deby, continue acompanhando minhas poesias ;)

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Pablo Gabriel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral O preço das coisas 1 953 05/05/2011 - 17:37 Português
Poesia/Geral O tempo, as horas 1 765 05/05/2011 - 17:32 Português
Poesia/Geral Sem rumo, sem sorte 1 679 05/05/2011 - 17:08 Português
Poesia/Geral Mulheres da vida 1 1.078 05/05/2011 - 17:04 Português
Poesia/Geral Vitima da vida 1 883 05/05/2011 - 16:56 Português
Poesia/Geral Velhas portas 1 803 05/05/2011 - 16:53 Português
Poesia/Geral O pescado e o mar 1 894 05/05/2011 - 16:42 Português
Poesia/Geral tempo que passa 1 766 05/05/2011 - 16:39 Português
Poesia/Geral Passos vazios 1 723 05/05/2011 - 16:36 Português
Poesia/Geral Tudo que se tem 1 1.012 05/05/2011 - 16:32 Português