CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

As marcas da vida

O que podemos dizer quando não há palavras
E o coração chora suas mágoas?
O que podemos deixar?
As marcas da vida nas vidas das pessoas.
Se somos o espelho
O mundo pode ver as suas imperfeições
Quando olho para a imensidão do infinito
Que se perde no fechar dos olhos.
Permaneço estático
Quando há um vento nas folhas do tempo
Não sabemos o futuro
Mas teremos a vantagem se nos prepararmos
E menos surpresas
Que possam tornar o nosso dia ruim.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

terça-feira, janeiro 25, 2022 - 20:04

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Online
Título: Membro
Última vez online: há 1 hora 2 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 7783

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Intervenção O caos primordial 3 119 03/18/2022 - 16:37 Português
Poesia/Desilusão Implacável 3 115 03/17/2022 - 18:39 Português
Poesia/Amor A fagulha do amor alado 3 257 03/16/2022 - 18:47 Português
Poesia/Amor Sintonia 3 167 03/15/2022 - 18:45 Português
Poesia/Pensamentos Apenas o som da chuva 3 155 03/14/2022 - 19:27 Português
Poesia/Meditação O silêncio dos inocentes 3 164 03/11/2022 - 19:59 Português
Poesia/Pensamentos A verdade que nunca foi dita 3 235 03/10/2022 - 18:39 Português
Poesia/Amor Lutar contra o coração é difícil 3 128 03/09/2022 - 19:29 Português
Poesia/Meditação Uma porta se abriu 3 105 03/08/2022 - 20:31 Português
Poesia/Amor Não passava de uma aventura 3 219 03/07/2022 - 23:44 Português
Poesia/Desilusão Não se pode mandar no coração 3 176 03/07/2022 - 12:19 Português
Poesia/Amor Por onde anda aquela saudade 3 153 03/06/2022 - 12:18 Português
Poesia/Pensamentos Um pensador cacerense disse... 3 170 03/05/2022 - 11:57 Português
Poesia/Meditação Livre e inabalável como o próprio vento 3 112 03/05/2022 - 11:52 Português
Poesia/Pensamentos O que tem do outro lado do muro? 3 152 03/04/2022 - 17:38 Português
Poesia/Amor Amor sem fim 3 168 03/03/2022 - 23:05 Português
Poesia/Meditação Se não sabes para onde vais 3 204 03/03/2022 - 12:25 Português
Poesia/Alegria Deixa-me viver 3 131 03/03/2022 - 01:11 Português
Poesia/Amor O sol não me disse nada 3 136 03/02/2022 - 12:44 Português
Poesia/Intervenção O comboio da morte na Ucrânia 3 133 03/01/2022 - 19:23 Português
Poesia/Paixão É muito amor no coração 3 259 03/01/2022 - 12:39 Português
Poesia/Intervenção Uma outra bomba que cai 3 283 02/28/2022 - 12:28 Português
Poesia/Intervenção O mal que há em nós 3 203 02/27/2022 - 12:14 Português
Poesia/Desilusão Quero poupar suas lágrimas 3 106 02/26/2022 - 12:52 Português
Poesia/Paixão Quase imperceptível 3 130 02/25/2022 - 17:31 Português