CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

"Minha longa espera"

Mais uma vez estou perdido dentre as flores.
Na imaginação transversal da loucura.
Perdido no espaço oculto,onde tudo não é apenas minha própria ilusão.
Escondendo e tentando fugir da mais obscura solidão.
Outra vez em um plano inexplicável.
Donde nunca deveria  de ter saído.
Pedidos de desculpas vêm e vão.
Mágoas nunca passaram.
Envolvo-me e me afundo nas coisas por medo.
Desloco e brigo para não mais sofrer.
Minha loucura me abafa ,meus ciúmes me destroem.
  E eu ,me escondo.
Perdendo apenas meu juízo.
Entristecendo-me aos poucos e me calando.
Com o coração sangrando vou levando a vida sem lagrimas.
Pois secaram e não sei mais como fazê-las voltar.
Constituindo-as em memórias.
Peço a D’us que me abençoe e que me tire desse sofrimento.
Pois a vida parece que esta me abortando,me jogando e castigando.
Um amor que não parece justo,pois tudo indica felicidade.
Um conjunto de alegrias revolta de tristezas.
E as perguntas que nunca terei respostas.
Ainda espero meu descanso,que nem sei quando vira.
Como uma criança a espera de um presente,assim espero minha morte.
Pois tudo isso quase não suporto mais.
Quando triste todos estiverem nada sentirei .
Ainda terei um desejo que esse levarei comigo.
Autor:Verton Brandino Da Silva
(20/05/2012)
Colatina ES

Submited by

terça-feira, maio 22, 2012 - 22:08

Poesia :

No votes yet

Verton Brandino da Silva

imagem de Verton Brandino da Silva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 semanas 2 dias
Membro desde: 04/13/2011
Conteúdos:
Pontos: 660

Comentários

imagem de KeilaPatricia

Ficou muito bom... Gostei

Ficou muito bom...

Gostei bastante.

Abraço, ...)...(@

:)

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Verton Brandino da Silva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral "Peça!" 0 187 12/09/2018 - 03:27 Português
Poesia/Fantasia “Onde estão?” 0 188 12/03/2018 - 04:09 Português
Poesia/Gótico "Pesadelo comum!" 0 154 12/03/2018 - 02:04 Português
Poesia/Meditação "Sim!" 0 169 11/27/2018 - 21:49 Português
Poesia/Pensamentos "Verbo reeditado!" 0 214 11/25/2018 - 15:26 Português
Poesia/Pensamentos "Ilusões Particulares!" 0 173 11/25/2018 - 15:22 Português
Poesia/Pensamentos Está lá ! 0 385 08/24/2018 - 00:11 Português
Poesia/Tristeza "Para que ter pressa?" 0 383 05/08/2018 - 04:58 Português
Poesia/Dedicado "Eu vi!" 0 423 05/06/2018 - 13:00 Português
Poesia/Geral "De que serve?" 0 274 05/06/2018 - 12:57 Português
Poesia/Comédia "Apenas uma comedia!" 0 295 04/23/2018 - 01:01 Português
Poesia/Gótico "Não chorem!" 0 275 04/22/2018 - 18:43 Português
Poesia/Pensamentos "Sarjeta!" 0 462 04/19/2018 - 21:12 Português
Poesia/Meditação "Quando ele morrer!" 0 312 04/19/2018 - 21:10 Português
Poesia/Meditação Observando!" 0 311 04/19/2018 - 21:08 Português
Poesia/Geral "Versos inversos!" 0 420 10/13/2017 - 15:26 Português
Poesia/Meditação “Ficção x Realidade” 0 395 10/13/2017 - 14:57 Português
Poesia/Pensamentos "Suburbano de cor!" 0 545 10/13/2017 - 14:44 Português
Poesia/Geral "Não olhe" 0 400 10/07/2017 - 22:34 Português
Poesia/Pensamentos "Pura Infância" 0 402 10/07/2017 - 22:03 Português
Poesia/Meditação "Confissão!" 0 348 10/07/2017 - 20:41 Português
Poesia/Pensamentos "Dizem por aí!" 0 879 12/14/2016 - 23:29 Português
Poesia/Geral "Sórdida Solidão!" 0 594 12/14/2016 - 23:27 Português
Poesia/Meditação "Inocente!" 0 465 12/14/2016 - 23:23 Português
Poesia/Geral "COMUNICADO" 0 400 11/25/2016 - 15:07 Português