CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

MUITO ALÉM DO MÊS DE ABRIL

Já é passado o mês de março
Ficaram muitos no caminho
Segue o gaúcho em seu caminho
Faça frio, chuva ou mormaço
Eu sigo pelo teu abraço
A cada dia e mês do ano
Esse é o meu único plano
O resto sem planos eu faço

Que venha abril e o que resta
Dos meus dias no calendário
Eu só preciso o necessário
Para ter motivo de festa
E se sobrar alguma fresta
Para dias sem qualidade
Que o tempo feche sem piedade
Não deixe entrar o que não presta

Com céu cinzento ou anil
Aqui na terra me sustento
Ando a favor ou contra o vento
Na Bagé desse meu Brasil
Posso ser rude ou ser gentil
Conforme a música eu danço
Se a vida deixar eu avanço
Muito além desse mês de abril

E a todos desejo também
Para não ser um egoísta
Nessa mensagem otimista
Que possam ir muito além
Quem tem fé que diga um amém
A nós todos muita saúde
Que pra melhor a gente mude
Com saúde, a paz e o bem.

Sérgio Teixeira
BAGÉ/RS/BRASIL.

Submited by

terça-feira, abril 2, 2019 - 00:10

Poesia :

No votes yet

Sérgio Teixeira

imagem de Sérgio Teixeira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 semanas 5 dias
Membro desde: 01/24/2011
Conteúdos:
Pontos: 430

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Sérgio Teixeira

Tópico Títuloícone de ordenação Respostas Views Last Post Língua
Poesia/Geral A ILUSÃO DE SER POETA 2 612 04/04/2019 - 19:50 Português
Poesia/Geral A MÁGOA DO TEMPO 1 507 12/10/2018 - 14:41 Português
Poesia/Geral A PRIMAVERA E O TEMPO 2 726 09/24/2017 - 16:06 Português
Poesia/Desilusão A VIDA É BELA 2 586 08/11/2012 - 23:51 Português
Poesia/Geral A VIDA E O NADA 0 600 01/22/2019 - 08:20 Português
Poesia/Geral ADEUS À PRIMAVERA 0 528 12/22/2019 - 11:36 Português
Poesia/Geral AGONIA DO ANO 0 261 12/30/2019 - 00:45 Português
Poesia/Geral AGUACEIRO NO INVERNO 2 776 09/04/2018 - 18:20 Português
Poesia/Geral ANALISTA DE MIM MESMO 0 208 03/17/2020 - 14:38 Português
Poesia/Tristeza AS FLORES FIÉIS 0 541 04/12/2019 - 19:07 Português
Poesia/Geral BOMBONS E COELHOS 3 680 04/02/2018 - 17:42 Português
Poesia/Geral CANTO, SILÊNCIO E LIBERDADE 3 793 06/03/2019 - 12:39 Português
Poesia/Geral CIÚME DOS TEMPORAIS 3 716 10/11/2018 - 15:34 Português
Musica/Pop CONTRASTES DE INVERNO 0 1.920 08/28/2018 - 21:55 Português
Poesia/Geral DE QUEM VIAJA NO TEMPO 1 690 12/17/2018 - 11:45 Português
Poesia/Geral DÉCIMAS DO MAL QUE FEZ A PAZ MUNDIAL 2 337 03/27/2020 - 01:51 Português
Poesia/Geral DESAPEGO 3 635 05/15/2018 - 03:42 Português
Poesia/Geral DESPEDIDA 0 128 07/04/2020 - 21:40 Português
Poesia/Geral DESPEDIDA NA FRONTEIRA (VOYAGER 1) 0 658 08/08/2011 - 22:23 Português
Poesia/Geral DEVANEIO 2 587 12/22/2019 - 12:08 Português
Poesia/Tristeza DIA DE FINADOS 2 690 11/25/2018 - 16:57 Português
Poesia/Dedicado ETERNO VAZIO 3 699 05/07/2011 - 17:21 Português
Poesia/Geral EXTERMÍNIO 2 607 03/26/2011 - 20:16 Português
Poesia/Soneto FUNERAL 2 734 01/22/2018 - 23:37 Português
Poesia/Geral INÚTIL SABER (DÉCIMAS) 0 355 01/22/2020 - 22:41 Português