CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Não pode ser um sim...

Não pode ser um sim,
Para um ansiado Pão,
Pão pode ser um Não,
Para anunciada fome Sim.

Não pode ser
Tanto trigo, pouco pão
Sim pode ter
Tanto campo, pouco chão

Assim se passa a vida
A Não mais movida
Do que Sim locomotiva
A Não mais corrida

Sim pode ser um não,
De um dormido Pão,
Pão pode ser um Sim
Para matar a fome Enfim

Sim pode ser
Tanta vinha, pouco Vinho
Não pode ter
Tanta sede, pouco Sonho 

AjAraujo, o poeta humanista, reflete sobre as desigualdades sociais, que marcam a humanidade e que poucos se aventuram a buscar soluções.

Submited by

sexta-feira, junho 22, 2012 - 00:19

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

AjAraujo

imagem de AjAraujo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 ano 20 semanas
Membro desde: 10/29/2009
Conteúdos:
Pontos: 15584

Comentários

imagem de Henricabilio

Belo cantico desencantado - a

Belo cantico desencantado
- a fome e os desiquilibrios sociais
são um dos flagelos da nossa sociedade.

1 abraç0o!

Abilio

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of AjAraujo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Poetrix Poemas - de "Magma" (Guimarães Rosa) 2 17.487 06/11/2019 - 11:48 Português
Videos/Música Ave Maria - Schubert (Andre Rieu & Mirusia Louwerse) 1 23.973 06/11/2019 - 11:02 inglês
Poesia/Fantasia Cabelos de fogo 0 724 04/28/2018 - 21:38 Português
Poesia/Dedicado A criança dentro de ti 0 627 04/28/2018 - 21:20 Português
Poesia/Pensamentos O porto espiritual 0 636 04/28/2018 - 21:00 Português
Poesia/Dedicado Ano Novo (Ferreira Gullar) 1 815 02/20/2018 - 19:17 Português
Prosas/Drama Os ninguéns (Eduardo Galeano) 0 785 12/31/2017 - 19:09 Português
Poesia/Dedicado Passagem de ano (Carlos Drummond de Andrade) 0 794 12/31/2017 - 18:59 Português
Prosas/Contos Um conto de dor e neve (AjAraujo) 0 1.822 12/20/2016 - 11:42 Português
Prosas/Contos Conto de Natal (Rubem Braga) 0 1.163 12/20/2016 - 11:28 Português
Prosas/Contos A mensagem na garrafa - conto de Natal (AjAraujo) 0 2.282 12/04/2016 - 13:46 Português
Poesia/Intervenção Educar não é... castigar (AjAraujo) 0 886 07/08/2016 - 00:54 Português
Poesia/Intervenção Dois Anjos (Gabriela Mistral) 0 2.476 08/04/2015 - 23:50 Português
Poesia/Dedicado Fonte (Gabriela Mistral) 0 1.412 08/04/2015 - 22:58 Português
Poesia/Meditação O Hino Cotidiano (Gabriela Mistral) 0 1.497 08/04/2015 - 22:52 Português
Poesia/Pensamentos As portas não são obstáculos, mas diferentes passagens (Içami Tiba) 0 1.556 08/02/2015 - 23:48 Português
Poesia/Dedicado Pétalas sobre o ataúde - a história de Pâmela (microconto) 0 2.207 03/30/2015 - 11:56 Português
Poesia/Dedicado Ode para a rendição de uma infância perdida 0 1.475 03/30/2015 - 11:45 Português
Poesia/Tristeza Entre luzes e penumbras 0 1.775 03/30/2015 - 11:39 Português
Poesia/Tristeza No desfiladeiro 1 2.724 07/26/2014 - 00:09 Português
Poesia/Intervenção Sinais da história 0 1.573 07/17/2014 - 00:54 Português
Poesia/Fantasia E você ainda acha pouco? 0 2.397 07/17/2014 - 00:51 Português
Poesia/Aforismo Descanso eterno 2 3.068 07/03/2014 - 22:28 Português
Poesia/Intervenção Paisagem (Charles Baudelaire) 0 2.180 07/03/2014 - 03:16 Português
Poesia/Meditação Elevação (Charles Baudelaire) 0 2.097 07/03/2014 - 03:05 Português