CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

O TEMPO - (Parte 5, FINAL)


Maldito o homem que acumula riquezas,
quando estas se transformam em fraquezas.
Maldito o homem que não chega à conversão,
quando todos lhe estendem a mão.
Maldito o homem a seguir sozinho,
pois não encontrou o seu caminho.

Maldito o homem preso à veleidade,
Sempre estará longe da verdade.
Maldito quem confia à própria sorte sua guarida,
estará caminhando para a morte já sem vida.

Por isso quero acordar deste mundo,
talvez, quem sabe, veremos...
Senão vou mais pro fundo,
sem dizer “Te Deum laudemus”.
Há tempo para tudo, tudo tem a sua hora,
tem que ser aqui, vai ter que ser agora,
não pode ser no além, senão “bau-bau”, amém.
É pau, é pedra, mas só Ele é o caminho.

J. Thamiel

Submited by

sexta-feira, maio 6, 2016 - 13:12

Poesia :

No votes yet

J. Thamiel

imagem de J. Thamiel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 horas 42 minutos
Membro desde: 05/02/2016
Conteúdos:
Pontos: 2803

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of J. Thamiel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral COM DEUS 0 337 09/12/2017 - 17:36 Português
Poesia/Geral TEM MUITA POESIA POR AQUI 0 784 09/10/2017 - 12:17 Português
Poesia/Geral MEUS MEDOS 0 831 09/06/2017 - 12:14 Português
Poesia/Fantasia SONHOS SÃO ETERNOS 2 373 09/05/2017 - 20:52 Português
Poesia/Desilusão Longa Espera 0 514 08/30/2017 - 12:11 Português
Poesia/Amor Um brilho brilha ainda 0 355 08/26/2017 - 22:07 Português
Poesia/Geral A banda... 0 673 08/23/2017 - 18:00 Português
Poesia/Geral Inocência 0 514 08/18/2017 - 13:52 Português
Poesia/Geral P A U S A 0 496 08/18/2017 - 13:38 Português
Poesia/Amor P A I X Ã O 0 342 08/17/2017 - 13:26 Português
Poesia/Geral T R A L H A S 0 646 08/14/2017 - 18:54 Português
Anúncios/Outros - Vende-se Crônicas de Púlpito 0 1.040 08/11/2017 - 15:52 Português
Poesia/Geral E, EU ME ENCAFIFO 0 524 08/10/2017 - 20:14 Português
Poesia/Geral O EXÉRCITO DOS PERNAS DE PAU 0 438 08/04/2017 - 13:15 Português
Poesia/Geral S I M B I O S E 0 720 07/26/2017 - 15:34 Português
Poesia/Geral ESTRADA NO MAR 0 1.961 07/20/2017 - 12:10 Português
Poesia/Fantasia HORIZONTE 0 814 07/18/2017 - 12:22 Português
Poesia/Geral ESSE POETA IRRITANTE 0 604 07/15/2017 - 22:15 Português
Poesia/Meditação ORGANIZAÇÃO DIVINA E CAÓTICA 0 531 07/13/2017 - 12:50 Português
Poesia/Geral DESCABIDO 0 717 07/11/2017 - 13:13 Português
Poesia/Desilusão ESTRANHA ESTÓRIA, NÃO É AMOR? 0 666 07/05/2017 - 22:10 Português
Poesia/Geral A ESFINGE 0 939 06/27/2017 - 16:15 Português
Poesia/Meditação CRUZAMENTO CENTRÍFUGO 0 385 06/21/2017 - 18:28 Português
Poesia/Geral ÀS VEZES, POESIA 0 544 06/14/2017 - 15:10 Português
Poesia/Geral PERDIDOS NO TEMPO - (o tempo é o melhor conselheiro) 0 980 06/13/2017 - 14:41 Português