CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

ONDE ANTES HAVIA TERRA

Onde antes,
Havia terra –
Eu vi cimento

Onde antes,
Havia árvores –
Eu vi candeeiros

Campos de papoilas,
Calhandras –
Jardins,
De ornamento

Onde antes,
Havia rostos –
Eu vi máscaras

Onde antes,
Haviam os sorrisos –
Plástico e suicídio

Onde antes,
Havia braços,
Mãos,
Palavra amiga, olhos,
Nos olhos –

Não vi, senão corpos,
Esgarçados

In A Cidade I
Jorge Humberto

Submited by

terça-feira, janeiro 24, 2012 - 13:01

Poesia :

No votes yet

Jorge Humberto

imagem de Jorge Humberto
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 semanas 23 horas
Membro desde: 01/15/2012
Conteúdos:
Pontos: 1814

Comentários

imagem de MarneDulinski

ONDE ANTES HAVIA TERRA!

Jorge Humberto!

É uma veridica situação, transformada em versos por você!

Todas as cidades e estradas do mundo, agora especialmente em nosso Brasil, é um sufoco,

não se sabe mais onde vão botar os carros que as fábricas despejam em nosso transito e,

com referência ao excesso de população, fico até em dificuldades para falar sobtre o assunto!

Onde vamos parar...

Um abraço,

Marne

imagem de Jorge Humberto

Obrigado!

Olá meu caro amigo Marne, tudo é cimento e já não há bicicletas junto às portas abertas.

Muito obrigado pelo teu comentário a meu poema.
 

Abraços meus
Jorge Humberto 

imagem de ISABELLA - M - REGO

Lindo este seu poema...

O que fala o seu poema, amigo Jorge, é chamado de evolução...

que de triste evolução nossos olhos são testemunha...!!!

Não sei onde os homem vão chegar com tanto cimento-armado?!

Beijo

Isabella

imagem de Jorge Humberto

Grato!

Olá querida Isabella, sim, que tristes nossos olhos, com o absurdo do cimento a tomar o lugar da Mãe Natureza.

Beijinhos e obrigado pelas tuas palavras.
Jorge Humberto

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Jorge Humberto

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Dedicado O Guardador De Sonhos (a Pessoa) por Jorge Humberto 0 140 05/05/2020 - 20:14 Português
Poesia/Intervenção O QUE SE SEGUE? 0 42 05/05/2020 - 17:48 Português
Poesia/Alegria ZÉZITO 0 41 05/05/2020 - 17:42 Português
Poesia/Meditação Recorro uma vez mais ao pensamento... 0 362 01/21/2020 - 19:33 Português
Poesia/Meditação QUER ISTO QUER AQUILO VERSOS DE JORGE HUMBERTO 0 153 01/19/2020 - 14:56 Português
Poesia/Pensamentos VERSOS PARA PENSAR 0 290 01/19/2020 - 12:28 Português
Poesia/Amor POEMA DE AMOR por JORGE HUMBERTO 0 208 01/18/2020 - 14:58 Português
Poesia/Alegria CHOVE ENQUANTO ESCREVO 0 223 01/16/2020 - 19:47 Português
Poesia/Soneto A NATUREZA EM FÚRIA 6 284 01/16/2020 - 12:37 Português
Poesia/Geral AH, UMA LÁGRIMA! 1 728 12/31/2018 - 01:01 Português
Poesia/Geral A minha presunção 0 527 09/01/2018 - 19:08 Português
Poesia/Amor SIMPLESMENTE TU 11 1.575 08/05/2015 - 01:33 Português
Poesia/Amor PARA TI NANCI LAURINO 2 1.221 04/26/2015 - 21:28 Português
Poesia/Tristeza PARA TI MEU QUERIDO PAULINHO! 1 980 04/26/2015 - 21:25 Português
Prosas/Pensamentos A CRIANÇA QUE HÁ EM NÓS 12 1.638 04/26/2015 - 20:50 Português
Poesia/Soneto FELIZ NATAL, MEU AMIGO, MEU IRMÃO! 1 1.023 06/19/2014 - 23:21 Português
Poesia/Geral FESTAS FELIZES, A TODOS OS AMIGOS DA WAF! 6 1.066 03/18/2014 - 15:15 Português
Poesia/Amor AMAR A QUEM UM SORRISO BASTASSE 6 1.356 12/04/2013 - 16:17 Português
Poesia/Soneto QUANDO DEIXEI A DROGA 4 1.234 12/04/2013 - 15:56 Português
Poesia/Aforismo Cada um, à sua maneira, escreve e é escritor. 0 1.505 07/27/2013 - 16:58 Português
Poesia/Soneto TUA LINDA MÃO 0 1.294 07/27/2013 - 16:54 Português
Poesia/Dedicado AMOR DE PAI! (No cumprir de seu 1º Aniversário, sem nós! 1 1.375 07/20/2013 - 19:20 Português
Poesia/Geral A CRIATURA 0 816 06/17/2013 - 13:20 Português
Poesia/Amor DOIRA O SOL E OS CORAÇÕES! 0 752 06/10/2013 - 15:02 Português
Poesia/Meditação Aranhas tecem espelhos.... 2 1.165 03/30/2013 - 12:11 Português