CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Poema enfermo

Anemia, rubéola, hepatite,
infarto, caxumba, pneumonia,
enxaqueca, catapora, nefrite,
trombose, cegueira, alergia.

Varíola, tifo, paralisia,
malária, cólera, otite,
sarampo, enfisema, hidrocefalia,
câncer, derrame, sinusite.

Gripe, AIDS, leptospirose,
resfriado, gonorréia,, meningite,
gota, diabete, tuberculose,
depressão, febre amarela, flebite.

Dengue, diarréia, atrofia,
vertigem, salmonela, toxoplasmose,
tontura, miopia, esquizofrenia,
rinite, asma, artrose.

Bronquite, glaucoma, fibromialgia,
mal de Parkinson, erisipela, reumatismo,
infecção, loucura, anomalia,
mal de Alzheimer, sífilis, estigmatismo.

Alopecia, estomatite, cistite,
úlcera, gastrite, surdez,
hemorróida, cancro mole, tendinite,
afta, furúnculo, mudez.

Tumor, labirintite, micose,
gangrena, calvície, nevralgia,
quisto, hérnia, fibrose,
faringite, torcicolo, epilepsia.

obra registrada na fundação biblioteca nacional

Submited by

domingo, novembro 15, 2009 - 19:42

Poesia :

No votes yet

CleberPaschoal

imagem de CleberPaschoal
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 ano 17 semanas
Membro desde: 10/06/2009
Conteúdos:
Pontos: 377

Comentários

imagem de MarneDulinski

Re: Poema enfermo

MEU CARO AMIGO POETA CLEBERPASCHOAL, COM TODAS ESSAS DOENÇA, PODERIA TER DADO UM BRADO BEM ALTO, CLAMANDO BEM ALTO POR UM MÉDICO OU UMA BELA MÉDICA TE AJUDAR!
COM TODO RESPEITO, MAS TORCENDO QUE APAREÇA UMA PESSOA SANTA, NA ÁREA MÉDICA, PARA TE AJUDAR!
Meu carinho e respeito,
MarneDulinski

Obs.: Mas diante de tantas doença só com humor, mas talvez o profissional leve sério e apareça!

imagem de Manuelaabreu

Re: Poema enfermo

Cleber acho que fico doente ao ler o poema enfermo.

ena quantas doenças...mas vão aparecendo outras mais devido ao desrespeito pelo meio ambiente nas vistas alterações climatéricas.
Pobres são aqueles que têm de passar por certas doenças sem cura.
Um abraço :-)

imagem de analyra

Re: Poema enfermo

Lembrou "o pulso" Anarnaldo Antunes-Titãs, "... e pulso ainda pula e corpo ainda é burro!".

Gotei bastante.
No mínimo criativo.

imagem de RobertoEstevesdaFonseca

Re: Poema enfermo

Meu amigo.

Louvo-te pela criatividade, mas este poema pode ser conjugado a outros seus, intitulados "Cemitério" e "Enterro", uma vez que não há médico de dê jeito. Vixe!!!rsrsrs...eheh...

Desculpe a brincadeira.

Grande abraço,
REF

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of CleberPaschoal

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral Rosas 5 344 02/03/2012 - 20:42 Português
Videos/Perfil 575 0 673 11/24/2010 - 22:00 Português
Videos/Perfil 564 0 514 11/24/2010 - 22:00 Português
Videos/Perfil 563 0 506 11/24/2010 - 22:00 Português
Videos/Perfil 562 0 561 11/24/2010 - 22:00 Português
Videos/Perfil 546 0 538 11/24/2010 - 21:59 Português
Videos/Perfil 545 0 517 11/24/2010 - 21:59 Português
Videos/Perfil 544 0 533 11/24/2010 - 21:59 Português
Fotos/ - 1884 0 725 11/23/2010 - 23:40 Português
Fotos/ - 1885 0 706 11/23/2010 - 23:40 Português
Fotos/ - 1865 0 755 11/23/2010 - 23:40 Português
Fotos/ - 1861 0 688 11/23/2010 - 23:40 Português
Fotos/Pessoas Leticia Paschoal 4 706 06/13/2010 - 13:43 Português
Fotos/Rostos Cleber Paschoal 1 760 03/07/2010 - 12:15 Português
Fotos/Rostos Cleber Paschoal 1 659 03/07/2010 - 12:13 Português
Poesia/Geral Planeta sonho 4 402 11/15/2009 - 23:34 Português
Poesia/Geral Poema enfermo 4 403 11/15/2009 - 23:30 Português
Poesia/Paixão Valha-me Deus! 3 364 11/14/2009 - 20:40 Português
Poesia/Geral Cemitério 2 317 11/14/2009 - 18:27 Português
Poesia/Geral É noite! 5 381 11/05/2009 - 23:14 Português
Poesia/Geral Avante bravo paulista! 2 462 11/02/2009 - 03:50 Português
Poesia/Geral O homem e a ilha 3 358 10/31/2009 - 16:01 Português
Poesia/Meditação se ainda! 2 366 10/31/2009 - 15:56 Português
Poesia/Meditação Conceitos 3 445 10/26/2009 - 00:22 Português
Poesia/Geral Até quando! 3 387 10/23/2009 - 16:36 Português