CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Quantos

Quantos Homens
a Fonte
já viu passar?
Quanta dor,
quanto amor,
desfilaram
nessa Alameda?

Homens passam
carregando
o que são;
e deixam
nesse chão
uma marca,
um sinal,
de que viveram
em vão.

Nada lhes restou,
só a Fonte sobrou
para assistir
outro ir e vir,
na eterna Mandala
que nada fala.

Os Homens seguem,
o solo
os acoberta
e o esquecimento
apaga
seus sonhos,
feitos,
quimeras
e Primaveras.

Quantos Homens
a Fonte
ainda verá?
Quantas almas
sonharão
nessa Alameda?

Submited by

domingo, junho 12, 2011 - 14:44

Poesia :

No votes yet

fabiovillela

imagem de fabiovillela
Offline
Título: Moderador Poesia
Última vez online: há 3 anos 35 semanas
Membro desde: 05/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 6158

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of fabiovillela

Tópico Título Respostasícone de ordenação Views Last Post Língua
Prosas/Outros Arne NAESS - Filósofos Modernos e Contemporâneos 0 1.606 06/27/2012 - 12:32 Português
Poesia/Fantasia Rex Tirano Candidato 0 1.196 09/18/2010 - 23:40 Português
Prosas/Outros Filosofia Moderna e Contemporânea - ORTEGA y GASSET, José - o Livre-Arbítrio - Eu sou eu e as minhas circunstâncias. 0 1.573 05/22/2012 - 23:25 Português
Poesia/Amor Laços e Fitas 0 945 05/16/2013 - 20:28 Português
Poesia/Geral 21 de Brasil 0 825 04/21/2013 - 16:14 Português
Poesia/Dedicado Lusos Poetas 0 1.236 11/17/2010 - 23:42 Português
Poesia/Geral Por quem 0 1.626 11/17/2010 - 23:42 Português
Poesia/Amor Ceia 0 1.550 11/17/2010 - 23:43 Português
Poesia/Geral Escritas 0 1.224 11/17/2010 - 23:46 Português
Poesia/Soneto Soneto Leve 0 2.018 11/17/2010 - 23:46 Português
Poesia/Amor Brilho 0 2.058 11/17/2010 - 23:46 Português
Poesia/Amor O Tarô e o Amor 0 723 11/17/2010 - 23:46 Português
Poesia/Geral Que 0 2.474 07/23/2009 - 21:35 Português
Poesia/Tristeza Febre 0 1.933 11/17/2010 - 23:50 Português
Poesia/Geral Faça-se 0 4.440 11/17/2010 - 23:50 Português
Poesia/Geral Canário 0 766 11/17/2010 - 23:50 Português
Poesia/Geral Indigências 0 1.104 11/17/2010 - 23:51 Português
Poesia/Tristeza Hotéis 0 1.436 11/17/2010 - 23:53 Português
Poesia/Aforismo Cultivar 0 1.352 11/17/2010 - 23:54 Português
Poesia/Tristeza Morfina 0 1.162 11/17/2010 - 23:54 Português
Poesia/Amor Corpos 0 977 08/27/2009 - 05:15 Português
Poesia/Geral Intervalo e Avenida 0 707 05/30/2013 - 16:56 Português
Poesia/Geral O Sol e a Sereia 0 1.287 11/17/2010 - 23:54 Português
Poesia/Geral Cultura de Almanaque 0 1.260 11/17/2010 - 23:58 Português
Prosas/Outros Schopenhauer e o Idealismo Alemão - O Suicidio - Parte VIII 0 1.627 06/30/2014 - 21:53 Português