CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Que fique este jeito

Que fique este jeito

Cara coroa. Faz tudo em uma boa.
Dardos, estribos. Manifesta ser à toa.
Moinho de vento, poema em um lamento.
As marcas de vida. Não mexa na ferida.
Passagem, viagem, corrida e estrada.
Desejo, fissura, carinho encantado.
As marcas do tempo, sumiço.
Candeias e sinos, meninos.
Pensamentos soltos.
Quantos olhares loucos
Sem sofrimento ou dor,
Sem amor, sem clamor.
Cantigas calientes e versos proeminentes.
Que fique este jeito
Assim livre e satisfeito.
Que fique este jeito!

Texto de Teresa Azevedo, cuja obra encontra-se à venda no site www.clubedeautores.com.br

Pintura de Vincent Willem van Gogh -  pintor pós-impressionista neerlandês, frequentemente considerado um dos maiores de todos os tempos e conhecido por seus fracassos segundo a sociedade e tempo em que viveu.

Submited by

sábado, maio 31, 2014 - 10:56

Poesia :

No votes yet

teresaazevedo

imagem de teresaazevedo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 anos 3 dias
Membro desde: 09/16/2010
Conteúdos:
Pontos: 608

Comentários

imagem de teresaazevedo

Seu comentário

Você é uma linda Débora.
Beijos,

imagem de deborabenvenuti

Que fique este jeito

Não é necessário mudar nada. Que fique esse jeito.Gostei.
Beijo

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of teresaazevedo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Alegria Poetando na calmaria para ser felz 0 624 11/18/2010 - 16:41 Português
Poesia/Amor A inexatidão dos sentidos devora a alma dos apaixonados 1 790 04/02/2011 - 02:59 Português
Prosas/Outros Abril de Verdade - 1º de Abril 5 956 04/02/2011 - 03:18 Português
Poesia/Meditação Fugindo para o mato onde me reencontro 1 812 04/14/2011 - 01:34 Português
Poesia/Amor Manifesto de amor 1 511 05/07/2011 - 18:33 Português
Poesia/Dedicado Homens, mitos e medos 0 545 05/16/2011 - 17:18 Português
Poesia/Tristeza Até quando? 0 1.297 05/23/2011 - 02:20 Português
Poesia/Tristeza Volta a ser maria 0 487 05/23/2011 - 02:23 Português
Poesia/Paixão Rápidos encontros 0 465 05/23/2011 - 02:27 Português
Ministério da Poesia/Paixão Mundo paralelo 0 410 06/06/2011 - 17:46 Português
Ministério da Poesia/Meditação Resposta breves 0 423 06/07/2011 - 00:54 Português
Ministério da Poesia/Geral Coisas da idade 0 815 06/08/2011 - 00:50 Português
Ministério da Poesia/Amor Dolorosa dor 0 460 06/08/2011 - 01:04 Português
Ministério da Poesia/Amor Ele ainda é meio meu 0 500 06/08/2011 - 01:14 Português
Ministério da Poesia/Geral Elo perdido 0 528 06/08/2011 - 21:01 Português
Ministério da Poesia/Desilusão Cambaleante 0 674 06/10/2011 - 17:00 Português
Ministério da Poesia/Tristeza Passional 0 601 06/10/2011 - 17:31 Português
Ministério da Poesia/Alegria Gratidão a Deus 0 931 06/10/2011 - 17:53 Português
Ministério da Poesia/Amor Amar. amar e amar 0 577 06/12/2011 - 01:40 Português
Ministério da Poesia/Amor Assim 0 464 06/12/2011 - 01:49 Português
Ministério da Poesia/Tristeza Desertos anti-poéticos 0 710 06/12/2011 - 01:53 Português
Ministério da Poesia/Acrósticos Feliz dia dos Namorados 0 652 06/12/2011 - 17:44 Português
Ministério da Poesia/Intervenção Relis inculta 2 984 06/13/2011 - 14:49 Português
Ministério da Poesia/Geral Poemas prô chá das cinco 0 669 06/20/2011 - 19:32 Português
Ministério da Poesia/Geral Poemas prô chá das cinco 0 640 06/20/2011 - 19:33 Português