CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Recordo-me da morena

Sob o véu da noite, o céu a brilhar, 
No silêncio suave, o mundo a sonhar. 
Lágrimas de prata, a lua derrama, 
Recordo-me da morena, minha doce dama. 
 
Seus olhos brilhavam como estrelas distantes, 
No abraço da noite, éramos amantes. 
O vento sussurrava segredos antigos, 
E nossos corações batiam, serenos, amigos. 
 
O aroma das flores, a brisa a soprar, 
No campo tranquilo, começamos a dançar. 
Sob a luz da lua, seus cabelos reluzentes, 
Meus dedos traçavam caminhos ardentes. 
 
Cada riso ecoava, uma melodia pura, 
Nossos passos marcavam uma doce aventura. 
A saudade me toca, um desejo profundo, 
De reviver aquela noite, um instante fecundo. 
 
As horas passaram como um sonho breve, 
Mas o toque dela em mim ainda se percebe. 
Agora, na solidão, olho o luar distante, 
E sinto falta da morena, minha eterna amante. 
 
Sob a luz prateada, memórias a vagar, 
No silêncio da noite, continuo a lembrar. 
A lua testemunha nossa história sem fim, 
E a nostalgia de uma noite, que vive em mim.
 
 
 Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

terça-feira, junho 11, 2024 - 03:06

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 horas 14 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 16169

Comentários

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão O crepúsculo do encanto 5 897 12/16/2023 - 19:56 Português
Poesia/Amor Meu coração é teu 5 1.156 12/15/2023 - 02:27 Português
Poesia/Amor És meu sentimento mais bonito 5 967 12/14/2023 - 11:22 Português
Poesia/Amor Janelas para o infinito 5 781 12/14/2023 - 01:17 Português
Poesia/Meditação Empresto os meus sapatos 5 798 12/12/2023 - 13:49 Português
Poesia/Desilusão Eco silencioso 5 706 12/11/2023 - 19:27 Português
Poesia/Amor Sentimento exposto 5 884 12/10/2023 - 22:08 Português
Poesia/Pensamentos A Cultura que criamos 5 982 12/10/2023 - 13:03 Português
Poesia/Paixão Na poesia dos olhares 5 1.897 12/09/2023 - 23:41 Português
Poesia/Meditação A arte de pensar 5 1.256 12/09/2023 - 13:21 Português
Poesia/Meditação Poemas que desisti de rasgar 5 784 12/08/2023 - 21:05 Português
Poesia/Desilusão Mil altares 5 592 12/08/2023 - 14:48 Português
Poesia/Amor Só penso em ti 5 838 12/07/2023 - 18:24 Português
Poesia/Amor O teu olhar e o teu sorriso 5 674 12/07/2023 - 11:14 Português
Poesia/Paixão Ardente chama 5 747 12/06/2023 - 21:52 Português
Poesia/Meditação Casulos infestados 5 736 12/05/2023 - 15:20 Português
Poesia/Desilusão A lua chorou lágrimas de pranto 5 900 12/05/2023 - 00:19 Português
Poesia/Paixão Teu corpo, poesia esculpida 5 813 12/04/2023 - 15:11 Português
Poesia/Meditação A brevidade da vida 5 668 12/04/2023 - 14:45 Português
Poesia/Dedicado Mãe querida (In Memoriam) 5 956 12/03/2023 - 17:20 Português
Poesia/Amor No silêncio desse encontro 5 1.127 11/30/2023 - 00:44 Português
Poesia/Desilusão Amor acorrentado 5 771 11/25/2023 - 11:49 Português
Poesia/Amor Faróis 5 828 11/25/2023 - 11:41 Português
Poesia/Amor Alguém especial 5 970 11/25/2023 - 11:35 Português
Poesia/Paixão Quando o amor acontecer 5 683 11/24/2023 - 03:30 Português