CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

REVÉRBEROS SÓIS …

Insanos cios

que me rasgam sem constrangimento,

que me alagam o silêncio de olhares e beijos.

Luas que alegam luares quentes,

revérberos sóis

que sem ego me aquecem os frios.

Nuas palavras,

vestidas de mil emoções

que me desengasgam as fogueiras,

paixões que me desencaixam a alma do corpo.

Aparatosas maneiras de arder,

preguiçosas fronteiras onde me conter.

Poéticas lenhas,

tactos que sem tecto voam em prazer.

Suores que queimam o meu acontecer,

que teimam morrer às mãos de arrepios loucos.
.
.
.
.

Submited by

quarta-feira, julho 24, 2013 - 11:05

Poesia :

Your rating: None (4 votes)

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 9 anos 21 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34815

Comentários

imagem de Sugo

Revérberos sois... e se não

Revérberos sois... e se não "sois" que venha então atirar a 1ª pedra
Excelente texto Henrique

Abraço

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos DA POESIA 1 8.243 05/26/2020 - 23:50 Português
Videos/Outros Já viram o Pedro abrunhosa sem óculos? Pois ora aqui o têm. 1 44.280 06/11/2019 - 09:39 Português
Poesia/Tristeza TEUS OLHOS SÃO NADA 1 4.464 03/06/2018 - 21:51 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O INFINITO SEJA O PRINCÍPIO 4 5.377 02/28/2018 - 17:42 Português
Poesia/Pensamentos APALPOS INTERMITENTES 0 4.767 02/10/2015 - 22:50 Português
Poesia/Aforismo AQUILO QUE O JUÍZO É 0 5.431 02/03/2015 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos ISENTO DE AMAR 0 6.587 02/02/2015 - 21:08 Português
Poesia/Amor LUME MAIS DO QUE ACESO 0 6.049 02/01/2015 - 22:51 Português
Poesia/Pensamentos PELO TEMPO 0 4.622 01/31/2015 - 21:34 Português
Poesia/Pensamentos DO AMOR 0 4.398 01/30/2015 - 21:48 Português
Poesia/Pensamentos DO SENTIMENTO 0 4.762 01/29/2015 - 22:55 Português
Poesia/Pensamentos DO PENSAMENTO 0 4.592 01/29/2015 - 19:53 Português
Poesia/Pensamentos DO SONHO 0 3.970 01/29/2015 - 01:04 Português
Poesia/Pensamentos DO SILÊNCIO 0 5.511 01/29/2015 - 00:36 Português
Poesia/Pensamentos DA CALMA 0 5.153 01/28/2015 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos REPASTO DE ESQUECIMENTO 0 4.151 01/27/2015 - 22:48 Português
Poesia/Pensamentos MORRER QUE POR DENTRO DA PELE VIVE 0 4.738 01/27/2015 - 16:59 Português
Poesia/Aforismo NENHUMA MULTIDÃO O SERÁ 0 4.383 01/26/2015 - 20:44 Português
Poesia/Pensamentos SILENCIOSA SOMBRA DE SOLIDÃO 0 4.911 01/25/2015 - 22:36 Português
Poesia/Pensamentos MIGALHAS DE SAUDADE 0 3.692 01/22/2015 - 22:32 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O AMOR SEMEIA E COLHE A SOLIDÃO 0 3.788 01/21/2015 - 18:00 Português
Poesia/Pensamentos PALAVRAS À LUPA 0 5.089 01/20/2015 - 19:38 Português
Poesia/Pensamentos MADRESSILVA 0 3.938 01/19/2015 - 21:07 Português
Poesia/Pensamentos NA SOLIDÃO 0 4.893 01/17/2015 - 23:32 Português
Poesia/Pensamentos LÁPIS DE SER 0 4.533 01/16/2015 - 20:47 Português