CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

SEM AGORA A CEM À HORA

Quanto sombra manto sou,
me dou em fio de luz trôpega.

Em desfio de água
vou num voo Carnaval.

Carnal utopia,
asas alam sonos que me calam.

Rasas magias silvestres,
suspiros agrestes me despem
o trigo da fome com que castigo meu nome.

As pedras
da calçada açaimada no verso,
prosas sem dentes me mordem a língua.

Quanta distância,
quanto peso paro raro ralo da alma.

Quão longe galo,
divago ânsia espantalho.

Tanto pranto,
antro de vazios.

Arreia a voz em assobios,
o verbo num pio de areia sem então.

Sem agora a cem à hora.

Não.

Submited by

terça-feira, junho 8, 2010 - 01:51

Poesia :

No votes yet

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 14 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Comentários

imagem de mariamateus

Re: SEM AGORA A CEM À HORA

Henrique :-)

Muito interessante!
Destaco..........

Arreia a voz em assobios,
o verbo num pio de areia sem então.

Sem agora a cem à hora.

Não.

Muito teu! :-P

Beijinho da tua grande fã!

mm

imagem de nunomarques

Re: SEM AGORA A CEM À HORA

Sem agora a cem à hora sem rumo, cem nadas.

brilhante o teu poema Henrique

Abraço
Nuno

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostasícone de ordenação Views Last Post Língua
Poesia/Amizade ENXOVAL DE EMOÇÕES (amizade, homem vs mulher) 0 1.678 11/17/2010 - 18:31 Português
Poesia/Geral CADA MULHER TEM O SEU OLHAR 0 8.367 11/17/2010 - 18:31 Português
Poesia/Meditação GESTO DE PALAVRAS DOCES 0 1.103 11/17/2010 - 18:31 Português
Poesia/Amor QUERO SER O TEU EROS 0 1.381 11/17/2010 - 18:31 Português
Poesia/Amor QUERO MAIS SÓ DE TI 0 892 11/17/2010 - 18:31 Português
Poesia/Amor LIVRO DO DESEJO 0 671 11/17/2010 - 18:31 Português
Poesia/Amor TEU SORRIR É SOL QUE AQUECE 0 1.146 11/17/2010 - 18:31 Português
Poesia/Paixão AMOR VIBRANTE 0 964 11/17/2010 - 18:31 Português
Poesia/Geral COLHEITA DE ESPERANÇA 0 736 11/17/2010 - 18:31 Português
Poesia/Paixão Ó TU FEMININA!!! 0 864 11/17/2010 - 18:31 Português
Poesia/Amor SAI DA DISTÂNCIA E ENTRA EM MIM 0 1.868 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Meditação UNO 0 1.290 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Amor DECLARAÇÕES DA ALMA 0 1.523 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Meditação MAR DE BOLSO 0 1.427 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Amor NOITE É CANÇÃO DE QUEM AMA 0 752 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Tristeza ALMA NO MAR VAZIO 0 1.507 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Amor ECO DE AMOR 0 544 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Meditação ALIVIADO DE ILUSÕES 0 821 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Tristeza SAUDADE DE AMOR 0 724 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Tristeza CAUSA E EFEITO 0 729 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Meditação SERMOS NÓS PRÓPRIOS 0 945 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Meditação PECAR 0 1.798 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Meditação O corpo da amizade... 0 1.186 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Amor BATE DOCEMENTE NO LUAR (dueto) 0 1.634 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Amor ATÉ LOGO AMOR 0 870 11/17/2010 - 19:29 Português