CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

SEM AGORA A CEM À HORA

Quanto sombra manto sou,
me dou em fio de luz trôpega.

Em desfio de água
vou num voo Carnaval.

Carnal utopia,
asas alam sonos que me calam.

Rasas magias silvestres,
suspiros agrestes me despem
o trigo da fome com que castigo meu nome.

As pedras
da calçada açaimada no verso,
prosas sem dentes me mordem a língua.

Quanta distância,
quanto peso paro raro ralo da alma.

Quão longe galo,
divago ânsia espantalho.

Tanto pranto,
antro de vazios.

Arreia a voz em assobios,
o verbo num pio de areia sem então.

Sem agora a cem à hora.

Não.

Submited by

terça-feira, junho 8, 2010 - 01:51

Poesia :

No votes yet

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 14 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Comentários

imagem de mariamateus

Re: SEM AGORA A CEM À HORA

Henrique :-)

Muito interessante!
Destaco..........

Arreia a voz em assobios,
o verbo num pio de areia sem então.

Sem agora a cem à hora.

Não.

Muito teu! :-P

Beijinho da tua grande fã!

mm

imagem de nunomarques

Re: SEM AGORA A CEM À HORA

Sem agora a cem à hora sem rumo, cem nadas.

brilhante o teu poema Henrique

Abraço
Nuno

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Títuloícone de ordenação Respostas Views Last Post Língua
Poesia/Meditação A MERDA QUE NÃO SOU 3 570 05/24/2012 - 16:08 Português
Poesia/Paixão A MINHA BOCA NA TUA BOCA… NUAS 0 585 06/25/2011 - 00:44 Português
Fotos/Paisagens A minha escrivaninha particular... 0 516 03/10/2012 - 23:52 Português
Poesia/Meditação A MINHA OUTRA VIDA 2 700 07/05/2011 - 01:17 Português
Poesia/Meditação A MORTE DE MÃOS ATADAS AO GRITO 0 560 01/09/2011 - 17:39 Português
Poesia/Aforismo A MORTE DO CORPO É MUITO SIMPLES... 1 762 06/30/2011 - 00:41 Português
Poesia/Meditação A morte é o museu da memória 5 1.748 05/24/2012 - 16:21 Português
Poesia/Meditação A MORTE NÃO MORRE PORQUE HÁ SEMPRE ALGUÉM PARA NASCER 0 619 11/03/2011 - 22:43 Português
Poesia/Tristeza A MORTE VIVE EM MIM … 1 545 03/27/2013 - 21:31 Português
Fotos/Natureza A MOSCA QUE MASCARA DE ABELHA 0 710 11/20/2010 - 06:15 Português
Poesia/Aforismo A MULHER É UMA FLOR... 0 606 07/27/2011 - 00:39 Português
Poesia/Dedicado A MULHER É UMA FLORESTA 4 985 01/31/2010 - 20:35 Português
Poesia/Paixão A MULHER SERÁ SEMPRE LINDA … 0 1.121 10/10/2012 - 22:18 Português
Fotos/Natureza A MUSA 0 680 11/20/2010 - 06:15 Português
Poesia/Aforismo A MÚSICA É MÃO QUE EMBALA A ALMA… 0 502 11/02/2011 - 00:54 Português
Críticas/Outros A N0VA APRESENTAÇÃO 0 1.381 11/19/2010 - 02:39 Português
Críticas/Filmes A NAMORADA DO MEU MELHOR AMIGO 0 421 11/19/2010 - 02:47 Português
Poesia/Tristeza A NOITE AVELOU EM ESCURIDÃO FUNDA … 0 511 01/26/2013 - 01:33 Português
Críticas/Filmes A Noite de Todos os Medos 0 695 11/19/2010 - 02:47 Português
Fotos/Arte Digital A Noite Entre Nós Em Nós... 1 612 04/24/2012 - 04:20 Português
Prosas/Pensamentos A NOSSA CASA NA ALMA DE TODOS 0 1.398 01/29/2011 - 19:19 Português
Poesia/Pensamentos A NUVEM DA MINHA IMAGEM 0 355 07/06/2011 - 04:55 Português
Críticas/Filmes A ORGANIZAÇÃO 0 442 11/19/2010 - 02:47 Português
Videos/Cinema A origem - trailer 0 338 06/24/2011 - 03:35 Português
Videos/Cinema A ORIGEMTrailer (original) 0 1.400 11/20/2010 - 16:50 Português