CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Testemunha (para Val Du)

O seu Céu,uma testemunha

Das coisas da Terra,

Embora indiferente

Da Humana Guerra,

Com a chuva, como unha

Se machuca, se ressente.

Chora seu Céu

No ombro do meu

Lamenta o que no Tempo

O Homem escreveu.

- Não fiques triste,

Te empresto meu Véu.

Chora, firmamento,lamenta,

Quando nos montes se assenta.

Pois que tuas lágrimas serão

Sublimadas, deveras, de improviso.

Choro por dentro também, então,

Travestido de Sol, num sorriso…

(Para Valenita Duarte, a Lady Lita)

***Valenita Duarte, a Val Du, é uma blogueira, muito amiga minha. Dediquei essa poesia a ela pelo fato de ter sido inspirada por uma imagem de um post de um de seus blogs.

Submited by

terça-feira, junho 2, 2009 - 04:19

Poesia :

No votes yet

EbraelShaddai

imagem de EbraelShaddai
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 9 anos 28 semanas
Membro desde: 05/30/2009
Conteúdos:
Pontos: 5

Comentários

imagem de Henrique

Re: Testemunha (para Val Du)

Bom poema, gostei de ler! :-)

imagem de jopeman

Re: Testemunha (para Val Du)

Gostei imenso
Destaco
"Chora, firmamento,lamenta,
Quando nos montes se assenta.
Pois que tuas lágrimas serão
Sublimadas, deveras, de improviso.
Choro por dentro também, então,
Travestido de Sol, num sorriso…"
Bem-vindo
Abraço

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of EbraelShaddai

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Canção Testemunha (para Val Du) 2 188 03/06/2010 - 03:44 Português