CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

MANIFESTO ANTI-GRIPE A E POR EXTENSO E REDUZIDO

MANIFESTO ANTI-GRIPE A E POR EXTENSO E REDUZIDO

Por aasp

ARMADO EM ALMADA NEGREIROS, LOUCO e TUDO

 

BASTA PUM BASTA!

UMA GERAÇÃO, QUE CONSENTE DEIXAR-SE INFECTAR POR UMA GRIPE QUE TEM APENAS UMA LETRA COMO NOME É UMA GERAÇÃO QUE NUNCA O FOI! É UM COIO DE FEBRIS, DE CUSPIORES DE SALIVA E DE RANHOSOS! É UMA RÊSMA DE FRACOS, E SÓ PODE PARIR ABAIXO DE ZERO!

ABAIXO A GERAÇÃO!

MORRA A GRIPE, MORRA! PIM!

UMA GERAÇÃO COM UMA GRIPE A CAVALO É UM BURRO IMPOTENTE!

UMA GERAÇÃO COM UMA GRIPE À PROA É UMA CANÔA UNI SECO!

A GRIPE É DOS PORCOS!

A GRIPE É MEIA MEXICANA!

A GRIPE SABERÁ TRANSMITIR-SE ATRAVÉS DO CONTACTO DIRECTO COM OS ANIMAIS INFECTADOS, SABERÁ ESPALHAR-SE PELO AR ATRAVÉS DE TOSSES E ESPIRROS, SABERÁ RESISTIR EM MESAS, TELEFONES E OUTRAS ÁREAS, SABERÁ TUDO MENOS GRAVE! QUE É A ÚNICA COISA QUE ELA TENTA FAZER!

A GRIPE A PESCA TANTO DE DOENÇAS QUE ATÉ VEM DOS PORCOS, DOS PORCOS!

A GRIPE A É UMA HABILIDOSA!

A GRIPE A É FEIA!

A GRIPE A É REDONDA E TEM PIQUINHOS!

A GRIPE ESPECULA E INOCULA OS CONCUBINOS!

A GRIPE É DOS PORCOS!

A GRIPE É PORCA!

MORRA A GRIPE, MORRA! PIM!

E A GRIPE TEM CLAQUE! E A GRIPE TEM PALMAS! E A GRIPE DÁ NA TELEVISÃO! E A GRIPE AGRADECEU!

A GRIPE É UMA EXIBICIONISTA!

NÃO É PRECISO ANDAR PELO MUNDO PARA SE SER UMA GRIPE P'RA SE SER UM GRIPE, BASTA SER-SE GRIPE!

NÃO É PRECISO ARMAR-SE P'RA SE ASSUSTAR, BASTA PORCA COMO A GRIPE! BASTA NÃO TER ESCRÚPULOS NEM MORAL, NEM ANIMAL, NEM HUMANA! BASTA ANDAR CO'AS MODAS, CO'AS POLÍTICAS E CO'AS OPINIÕES! BASTA SER O TAL FALADINHA, BASTA SER MUITO DELICADO E INFECTAR COMO SE FOSSE UMA GRIPE NORMAL! BASTA SER JUDAS! BASTA SER GRIPE!

MORRA A GRIPE A, MORRA! PIM!

A GRIPE APARECEU PARA PROVAR QUE, NEM TODAS AS PANDEMIAS O SÃO!

A GRIPE É UM AUTOMATO QUE DEITA PR'A FÓRA O QUE A GENTE JÁ SABE QUE VAE SAIR... RANHO E SALIVA PROJECTADA!

A GRIPE É UM SONETO D'ELA-PRÓPRIA!

A GRIPE EM GÉNIO NUNCA CHEGA A PÓLVORA SECA E EM CONTÁGIO É PIM-PAM-PUM!

A GRIPE NUA É HORROROSA!

A GRIPE CHEIRA MAL DA BOCA!

MORRA A GRIPE, MORRA! PIM!

A GRIPE É O ESCARNEO DA CONSCIÊNCIA!

SE A GRIPE É GLOBAL EU QUERO SER MARCIANO!

A GRIPE É A VERGONHA DA INTELLECTUALIDADE PORTUGUESA! A GRIPE É A META DA DECADÊNCIA MENTAL!

E AINDA HÁ QUEM NÃO CÓRE QUANDO DIZ FALA DA GRIPE!

E AINDA HÁ QUEM LHE A COMENTE!

E QUEM AINDA FIQUE DOENTE!

E QUEM A TRANSMITA!

E AINDA HÁ QUEM DUVIDE DE QUE A GRIPE NÃO VALE NADA, E QUE NÃO SABE NADA, E QUE NEM

É INTELLIGENTE NEM DECENTE, NEM ZERO!

VOCÊS NÃO SABEM QUEM É A GRIPE? EU VOU-LHES CONTAR:

É NO MÉXICO QUE TUDO PARECE TER COMEÇADO, PENSEI TRATAR-SE DE MAIS ALGUMA DESCULPA PARA SALTAREM MAIS PARA NORTE, MAS QUASE IMEDIATAMENTE, A GRIPE A COMEÇOU A ESPALHAR-SE PARA FORA DO PAÍS, E NINGUÉM É CAPAZ DE A DISTINGUIR PORQUE É UMA IMITAÇÃO QUE NÃO SERVE PARA NADA NEM FAZ NADA!

PESSOAS HISTÉRICAS COMEÇAM A CHORAR DESATINADAMENTE, JÁ NEM ESPIRRAM!
VEEM INFECTAR-NOS (SIC), VARIOS PORCOS TODOS EGUAIS, MENOS ALGUNS QUE SE DIZEM E SENTEM IMPORTANTES DE ARMANI OU COM PRONUNCIAS DO PORTO (SIC) E TANTOS PORCOS E AINDA NÃO OS INFECTOU.

E SERIA ATÉ UMA EXCELENTE NOTICIA DESSES PORCOS DE PARLAMENTO SE ESPIRRASSEM EM VEZ DE FALAREM SE NÃO TIVESSEM AQUELA VOZ TÃO AGORA TÃO CARINHOSA E HUMILDE QUE PARECE DA TIA FELICIDADE DA VIZINHA DO LADO, E REPARANDO NOS VULTOS INTERROGA ESPAÇADAMENTE COM CADÊNCIA, FALTA DE AUSTERIDADE E OS CHIFRES NO DEBATE DO ESTADO DA NAÇÃO...

QUEM ESTÁ AÍ?... E DE CANDEIAS APAGADAS?

- FOI O PINHO, DIZEM OS POBRES INOCENTES VARADOS DE TERROR... E O LIDER DA VOZ DOCE QUE SÓ É DOCE EM TEMPOS DE VERÃO, QUANDO ANDA DEFILITADO OU CURVADO PARA A FRENTE MANDA TOCAR A MÚSICA QUE É PARA RECOLHER AOS CURROS, MAS É DA CRISE, DA CRISE E A GRIPE QUE FEBRIS E A ALUCINAR OS PÔS PENSANDO NO FUTURO.

O PÚBLICO E O PANO TAMBÉM CAI E O ESPECTADOR TAMBÉM CAI DA PACIÊNCIA ABAIXO E DESATA N'UMA DESTAS PATEADAS TÃO ENORMES E TÃO MONUMENTAES QUE TODOS OS JORNAIS DE LISBOA NO DIA SEGUINTE FORAM UNÂNIMES N'AQUELE ÊXITO TEATRAL.

A ÚNICA CONSOLAÇÃO QUE OS ESPECTADORES DECENTES TIVERAM FOI A CERTEZA DE QUE AQUILLO NÃO ERA UM DEBATE MAS SIM A CORRIDA DA CASA DO PESSOAL DA ARTV.
GRIPE E GRIPE, GRIPE, GRIPE, GRIPE...

E FIQUE SABENDO A GRIPE QUE SE UM DIA HOUVER JUSTIÇA EM PORTUGAL TODO O MUNDO SABERÁ QUE O AUTORA DA CRISE É A GRIPE

E AS MÁSCARAS! E O LAVAR AS MÃOS A TUDO! TUDO POR CAUSA DA GRIPE!

MORRA A GRIPE, MORRA! PIM!

E PORTUGAL QUE COM TODOS ESTES PORCOS, AINDA CONSEGUE A CLASSIFICAÇÃO DO PAÍS MAIS ATRASADO DA EUROPA E DE TODO O MUNDO! PORTUGAL INTEIRO HÁ-DE ABRIR OS OLHOS UM DIA - SE É QUE A SUA CEGUEIRA NÃO É INCURÁVEL E ENTÃO GRITARÁ COMIGO, A MEU LADO, A NECESSIDADE QUE PORTUGAL TEM DE SER QUALQUER COISA DE ASSEADO OU ENTÃO DE TER GRIPE A SÉRIO!

MORRA A GRIPE, MORRA! PIM!

 

aasp


ARMADO EM ALMADA NEGREIROS

LOUCO

e

TUDO 

Submited by

sábado, dezembro 18, 2010 - 22:01

Prosas :

No votes yet

aasp

imagem de aasp
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 36 semanas 3 horas
Membro desde: 10/19/2010
Conteúdos:
Pontos: 307

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of aasp

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Fotos/Cidades Sem título 0 671 07/15/2014 - 20:02 Português
Fotos/Cidades Sem título 0 542 07/15/2014 - 19:59 Português
Fotos/Cidades Sem título 0 614 07/15/2014 - 19:57 Português
Prosas/Outros A.O. sem E, I e U 2 517 02/06/2013 - 16:59 Português
Poesia/Geral À Lua 4 568 02/06/2013 - 13:05 Português
Prosas/Pensamentos Arco-íris (2009) 2 606 07/02/2012 - 23:20 Português
Poesia/Dedicado Sentindo-me... 4 583 07/02/2012 - 22:41 Português
Prosas/Comédia MANIFESTO ANTI-GRIPE A E POR EXTENSO E REDUZIDO (2009) 0 654 06/30/2012 - 23:37 Português
Poesia/Geral Homem com máscara de emoção de ser poético 3 1.026 06/24/2012 - 23:19 Português
Poesia/Geral Clara exaltação 3 596 06/23/2012 - 23:07 Português
Poesia/Pensamentos Fugas 2 889 06/17/2012 - 11:47 Português
Poesia/Geral Não sei se és tu de quem oiço os passos... 0 506 06/12/2012 - 23:45 Português
Poesia/Geral Para um dia acabar... 0 475 04/03/2012 - 00:15 Português
Poesia/Geral Baila, baila bailarina... 0 718 11/02/2011 - 23:17 Português
Poesia/Geral Palavras alinhadas 1 1.057 04/16/2011 - 14:06 Português
Poesia/Dedicado Folhas da minha árvore continuam a cair... 2 730 03/25/2011 - 00:18 Português
Poesia/Meditação 11.3.11 0 912 03/14/2011 - 12:59 Português
Poesia/Geral Rabiscos lienares 0 642 02/28/2011 - 12:50 Português
Poesia/Amor Minha Nai, meu anjo da guarda... 0 768 02/24/2011 - 15:25 Português
Poesia/Intervenção Macaquinhos de liberdade 0 756 02/24/2011 - 14:53 Português
Poesia/Geral Ella 2 0 907 01/31/2011 - 15:06 Português
Poesia/Geral Ella 1 0 950 01/31/2011 - 14:23 Português
Poesia/Geral Objecto de ti 0 938 01/27/2011 - 17:31 Português
Poesia/Dedicado Bailarina 0 948 01/21/2011 - 01:14 Português
Poesia/Dedicado (sem título) 1 673 01/19/2011 - 20:34 Português