CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Ausência

O dia amanheceu cinzento,
Trovão que teima em soar,
Acordo meio ensonado
Olhando para todo o lado
Mas não te consigo encontrar.

Procuro-te enlouquecido
pelas vazias divisões
paro no quarto e já cansado
sem te ter a meu lado
Surgem as emoções.

Já de noite escura e dura
vagueio pelas ruas da cidade
Chamo o teu nome em vão
E com aperto no coração
Chega depressa a saudade. 

Vejo o teu retrato e choro,
Porque partiste tão cedo
Eu ainda sou uma criança
E com restinho de esperança
Vem para ao pé de mim, tenho medo.

Adoro-vos Mãe e Pai (Meus avós)

Submited by

sexta-feira, dezembro 14, 2018 - 14:45

Poesia :

No votes yet

Pedro Lima

imagem de Pedro Lima
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 17 semanas 5 horas
Membro desde: 02/10/2011
Conteúdos:
Pontos: 17

Comentários

imagem de J. Thamiel

Parabéns,meu novo amigo; ler

Parabéns,meu novo amigo;
ler me trouxe ansiedade,
acho que sofro contigo,
desta 'marvada' saudade.

imagem de Pedro Lima

Os meus Avós

Sinto muita saudade daqueles que foram realmente os meus pais :(

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Pedro Lima

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Ausência 2 136 12/14/2018 - 20:47 Português
Poesia/Fantasia Viagem 0 266 02/10/2011 - 13:18 Português
Poesia/Meditação Quando a morte chamar por mim 0 458 02/10/2011 - 13:10 Português