CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

DEIXA-ME DIZER-TE (TUDO)

Deixa-me dizer-te
Porque sorriem as orquídeas no Outono
Se me aqueço do teu corpo no Inverno
No paraíso a dois só tu és meu dono
Só no teu peito encontro o calor (e)terno.

Deixa-me dizer-te
Todos os passos de fogo que dá a Lua
Quando serpenteias louco pela minha pele
E te vestes da minha carne (a tua) nua
Se lavo o sorriso nos teus olhos de mel.

Deixa-me dizer-te
Porque só enlaço as minhas mãos com as tuas
Se nossos lábios se juntam num poema maior
Sempre que estou perto e nos meus braços suas
Gritando à tempestade não há sensação melhor

Deixa-me dizer-te
De que cor pintei as águas do Rio Mondego
Pela pureza ruiva que roubei ao teu olhar
No teu leito sinto o doce aconchego
Onde não me perco, só me sei encontrar

Deixa-me dizer-te
Corrigi o itinerário das minhas asas
Ao encontrar um voo de sol em teu redor
Ate(e)i a nossa paixão em plenas brasas
E no teu ventre tatuei a palavra amor

Deixa-me dizer-te
Não é coincidência ouvirmos a mesma canção
O que nos rodeia é mais do que terra, é (a)mar
Nunca te negarei o bater do meu coração
Porque só tu sabes como o completar!

Deixa-me dizer-te TUDO...
Num (só) verso mudo.

27.02.2012
 

http://sempapelecanetacomalmaecoracao.blogspot.com

Submited by

segunda-feira, março 5, 2012 - 16:21

Poesia :

Your rating: None (2 votes)

Jessica Neves

imagem de Jessica Neves
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 7 anos 46 semanas
Membro desde: 01/27/2012
Conteúdos:
Pontos: 60

Comentários

imagem de Jorge Humberto

Minha querida, Jessica,

Minha querida. Jessica,
 

deixa-me dizer-te que aceitei teu convite com muita alegria, por nova amiga ganhar.
Muito bom teres-me encontrado e visitado, dando-me a mim a oportunidade de ter chegado, dessa forna, até ti.
Partindo para o conhecimento de tua bela poesia, onde este poema apaixonado, de rimas perfeitas, de cores e sons,
pleno de  um raro lirismo, a que se juntam belas figuras, adornando sem nada forçar teus versos, numa escrita suave
e bem cadenciada, deixaram-me encantado.

Beijinhos mil... gostei muito de te ler. Espero que possas vir aapreciar meu jardim de poesia, honrando--me com tuas visitas, deixando-me, se ela assim o merecer, teu parecer.
 

Beijinhos mil
Jorge Humberto

imagem de MariaButterfly

Deixa-me dizer-te, o quanto

Deixa-me dizer-te, o quanto gostei desta poesia

Tem versos muito bonitos

Deixa-me dizer-te
Porque sorriem as orquídeas no Outono
Se me aqueço do teu corpo no Inverno
No paraíso a dois só tu és meu dono
Só no teu peito encontro o calor (e)terno.
Deixa-me dizer-te TUDO...

Num (só) verso mudo.

Uma escrita muito própria e doce.

Gostei mesmo!

Beijo
 

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Jessica Neves

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor SOU (TUDO) DE TI 2 489 04/01/2012 - 12:01 Português
Poesia/Amor CEIA DE AMOR 2 453 03/28/2012 - 16:26 Português
Poesia/Soneto LAMENTOS EM CINZAS 3 387 03/24/2012 - 16:31 Português
Poesia/Soneto SABOR (D)A TERRA 1 347 03/20/2012 - 16:36 Português
Poesia/Amor DEIXA-ME DIZER-TE (TUDO) 2 437 03/20/2012 - 00:03 Português
Fotos/Pessoais JESSICA NEVES 0 811 01/27/2012 - 22:13 Português
Fotos/Pessoais JESSICA NEVES 0 552 01/27/2012 - 22:11 Português
Fotos/Pessoais JESSICA NEVES 0 789 01/27/2012 - 22:10 Português
Fotos/Pessoais JESSICA NEVES 0 542 01/27/2012 - 22:09 Português
Fotos/Pessoais JESSICA NEVES 0 547 01/27/2012 - 22:08 Português
Fotos/Pessoais JESSICA NEVES 0 627 01/27/2012 - 22:07 Português
Fotos/Pessoais JESSICA NEVES 0 576 01/27/2012 - 22:05 Português
Fotos/Pessoais JESSICA NEVES 0 861 01/27/2012 - 22:04 Português
Prosas/Contos ETERNAMENTE TUA 0 344 01/27/2012 - 21:57 Português