CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Dia de folga

Mal aparece o Sol,
Já duas gaivotas bailam, rodopiando.
Uma multidão sai do cais,
Eu vou andando.
Está frio.
O Tejo verde,
Com um toque de azul, mas pouco.
Observo as pessoas e as tainhas.
Ambas se amontoam,
Penso.
Fixo-me agora nos sons.
O do semáforo, cadenciado
Enriquece a melodia.
Aproveito e atravesso.
Esquivo-me às arcadas evitando a gente que corre
Para atravessar o arco da Rua Augusta.
De imediato recuso dois relógios de ouro.
Reparo que já não me propõem haxixe…
Estou velho.
Estou visivelmente velho.
Dois rapazes vendem bugigangas
Que não compro, nem aprecio,
Mas aproveito o espelho e confirmo a minha idade.
Choro, por dentro.
Nada mais penso até entrar no comboio.
Da janela vejo que aqui são os pombos que imitam as pessoas,
Empurrando-se por migalhas secas de pão.
Amanhã,
Quando regressar,
Perderei (novamente) a consciência
E farei como eles.

Submited by

quarta-feira, novembro 5, 2008 - 00:58

Poesia :

No votes yet

Conchinha

imagem de Conchinha
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 9 anos 30 semanas
Membro desde: 09/15/2008
Conteúdos:
Pontos: 2111

Comentários

imagem de Henrique

Re: Dia de folga

Um poema bem conseguido!!!

:-)

imagem de JillyFall

Re: Dia de folga

estou a gostar imenso da tua poesia!

saudades do tejo..

imagem de Conchinha

Re: Dia de folga

Obrigado.
Bjs

imagem de ÔNIX

Re: Dia de folga

Este quadro sobre o cais, que se passeia pelas ruas da baixa é bem ao estilo de quem sobrevive à agitação das ruas frias e indiferentes de Lisboa

Gostei
Bjs
Dolores

imagem de Conchinha

Re: Dia de folga

...ou adorava sobreviver...
A propósito, fazes yoga ou meditas, ou a foto é apenas uma boa silhueta?
Bjs

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Conchinha

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Dedicado De pequenino... 7 2.434 03/13/2018 - 17:05 Português
Fotos/Outros Sem perdão 2 1.119 03/13/2018 - 17:04 Português
Fotos/Natureza Abelha 2 2.646 02/26/2018 - 13:39 Português
Fotos/Outros O que te prende? 6 4.064 10/19/2011 - 02:47 Português
Poesia/Geral Vende-se T2 (em frente à funerária) 1 1.502 02/18/2011 - 22:51 Português
Fotos/ - 1022 0 2.509 11/24/2010 - 00:37 Português
Fotos/ - 859 0 2.291 11/24/2010 - 00:36 Português
Fotos/ - 774 0 2.620 11/24/2010 - 00:36 Português
Fotos/ - 639 0 2.443 11/24/2010 - 00:36 Português
Fotos/Pintura Avião 0 3.019 11/20/2010 - 06:16 Português
Fotos/Pintura Explosão de perfume 0 2.236 11/20/2010 - 06:15 Português
Fotos/Cidades Cacilhas-Lisboa 0 1.900 11/20/2010 - 06:12 Português
Fotos/Outros Azul 0 2.144 11/20/2010 - 05:57 Português
Fotos/Cidades Saio do Porto com um sorriso 0 1.796 11/20/2010 - 05:57 Português
Fotos/Pessoas Avieiros do Tejo II 0 3.084 11/20/2010 - 05:57 Português
Fotos/Outros Atlantida 0 1.764 11/20/2010 - 05:57 Português
Fotos/Cidades Santiago Maior 0 1.624 11/20/2010 - 05:56 Português
Fotos/Outros Natureza selvagem 0 2.163 11/20/2010 - 05:55 Português
Fotos/Outros Páscoa 0 1.586 11/20/2010 - 05:55 Português
Fotos/Outros R.I.P. 0 2.013 11/20/2010 - 05:26 Português
Fotos/Outros Reciclagem 0 1.602 11/20/2010 - 05:26 Português
Fotos/Paisagens Reflexos III 0 2.098 11/20/2010 - 05:26 Português
Fotos/Cidades Lisboa 0 2.401 11/20/2010 - 05:26 Português
Fotos/Outros Mar 0 2.187 11/20/2010 - 05:26 Português
Fotos/Pessoas Velhos 0 2.649 11/20/2010 - 05:25 Português