CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Ergo minhas mãos

É mais uma manhã e tenho vida
Abro os olhos e contemplo a bondade
As misericórdias de Deus
O dia chegou com uma chuva suave
A terra está molhada
Os pássaros têm os pés molhadinhos
E as nuvens ainda passeiam pelo céu
Agora cinzento de nostalgia.

Medito essas coisas e vejo o Criador
A minha alma regozija de alegria
E sigo-te de perto, oh grande Deus
Bendirei o Teu santo nome enquanto viver
Dobro os meus joelhos
E ergo as minhas mãos em agradecimento
Pela vida, graça e proteção.

Quando me lembrar do seu grande amor
Quero sempre poder agradecer
Por todas as ricas bênçãos em minha vida
Porque a tua benignidade
É a melhor coisa que poderia desejar.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

sexta-feira, março 3, 2023 - 11:39

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 14 horas 52 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 15232

Comentários

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor Não era brincadeira 6 109 04/13/2024 - 14:09 Português
Poesia/Meditação A angústia de Caim 6 133 04/12/2024 - 03:44 Português
Poesia/Amor Fascinante 6 321 04/10/2024 - 20:11 Português
Poesia/Amor Em cada pétala de rosa 7 295 04/10/2024 - 02:31 Português
Poesia/Meditação A Mulher Samaritana 6 458 04/08/2024 - 23:06 Português
Poesia/Intervenção Contra o racismo 6 230 04/07/2024 - 14:06 Português
Poesia/Desilusão Do amor não correspondido 6 454 04/06/2024 - 14:18 Português
Poesia/Intervenção Contra o bullying 6 419 04/05/2024 - 22:58 Português
Poesia/Amor Impossível ignorar 6 535 04/05/2024 - 02:43 Português
Poesia/Desilusão Não posso te esquecer 6 698 04/04/2024 - 02:54 Português
Poesia/Desilusão Seu prisioneiro 6 418 04/02/2024 - 11:51 Português
Poesia/Amor Um poema sem palavras 6 483 04/01/2024 - 19:33 Português
Poesia/Desilusão Quando não se pode evitar 6 429 03/30/2024 - 13:27 Português
Poesia/Pensamentos Observação 6 805 03/27/2024 - 22:12 Português
Poesia/Desilusão Agora o coração reclama 6 412 03/26/2024 - 20:13 Português
Poesia/Intervenção A insensatez da guerra 6 438 03/25/2024 - 19:49 Português
Poesia/Intervenção Senso crítico nebuloso 6 498 03/24/2024 - 13:39 Português
Poesia/Desilusão Entre as sombras da noite 6 690 03/23/2024 - 14:32 Português
Poesia/Intervenção O espelho da realidade 6 465 03/22/2024 - 13:17 Português
Poesia/Dedicado À beleza do verso 6 1.042 03/21/2024 - 20:00 Português
Poesia/Amor Permita-me 6 161 03/21/2024 - 11:51 Português
Poesia/Alegria Outono 6 490 03/20/2024 - 22:06 Português
Poesia/Pensamentos Deixando marcas no tempo 6 608 03/19/2024 - 11:38 Português
Poesia/Amor Um pedaço do céu 6 455 03/18/2024 - 19:56 Português
Poesia/Meditação Desafios 6 1.027 03/17/2024 - 13:51 Português