CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Eterno

Sinto de ti uma enorme saudade
sinto da morte um quase rancor,
mas sinto que o amor é a única verdade
tornando até a morte:um explendor.

Como poderei eu esquecer-te?
ou de meu peito tal saudade apagar?
como suportar a dor de não mais ver-te?
como seguir sem poder te abraçar?

Siga na luz e na paz da tua justiça
lembrarei sempre da tua bondade,
ensinou-me que o bem deve ser minha única cobiça,
e que é do silêncio que provém a caridade.

Como poderei eu esquecer-te?
ou de meu peito tal saudade apagar?
como suportar a dor de não mais ver-te?
como seguir sem poder te abraçar?

Apesar de minha tristeza,
apesar de toda essa dor,
tenho certeza
consola-me o teu amor.

Como poderei eu esquecer-te?
ou de meu peito tal saudade apagar?
como suportar a dor de não mais ver-te?
como seguir sem poder te abraçar?

Nunca me esquecerei de seu olhar terno,
que a minha vida encontre um dia sua vida,
em meio à imensidão,seja eterno,
amenize-me os ventos,a dor da despedida.

este poema é uma singela homenagem ao meu avô,embora eu não tenha tido a oportunidade de me despedir,quero eternizá-lo nesse poema como prova de meu amor.

Submited by

quinta-feira, abril 23, 2009 - 02:01

Poesia :

No votes yet

Danielagomes

imagem de Danielagomes
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 10 semanas 1 hora
Membro desde: 04/13/2009
Conteúdos:
Pontos: 835

Comentários

imagem de csantos

Re: Eterno

não sei mas talvez seja a primeira vez que te leio
desde jà obrigado por partilhares a tua poesia
comentando este poema, apenas digo magnifico
um beijo

ps: continua
cs

imagem de angelofdeath

Re: Eterno

E que grande poema, sim senhor!
Abraços.

imagem de jopeman

Re: Eterno

Que bela dedicatória... e este poema imortalizará o teu amor por ele
Bjo

imagem de Henrique

Re: Eterno

Eu sei o que é essa falta de oportunidade para uma despedida, mas também julgo que talvez seja melhor assim ou não? Não sei, só sei que essas despedidas são gélidas por toda a nossa alma.

Ele aqui neste poema estará eternizado numa bela homenagem.

Os meus sentimentos.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Danielagomes

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza Ela 0 349 06/30/2019 - 15:53 Português
Poesia/Geral A alma do poema 1 492 06/11/2019 - 17:53 Português
Poesia/Pensamentos Incógnita 2 360 05/27/2019 - 23:05 Português
Poesia/Amor A noite 0 498 05/27/2019 - 02:18 Português
Poesia/Amor Sem você 1 393 05/22/2019 - 15:59 Português
Poesia/Tristeza “A chuva” 2 688 03/31/2018 - 01:05 Português
Fotos/ - 2584 1 1.695 03/22/2018 - 13:30 Português
Poesia/Amor Azul 5 747 03/22/2018 - 13:26 Português
Poesia/Amor Vou 2 734 04/01/2012 - 22:18 Português
Poesia/Pensamentos Caminhos 1 670 03/22/2012 - 23:35 Português
Poesia/Meditação por ventura 2 814 10/11/2011 - 01:22 Português
Poesia/Meditação Hermético 1 871 05/11/2011 - 19:19 Português
Críticas/Filmes Filme conversando com Deus 0 1.518 05/11/2011 - 18:50 Português
Poesia/Geral Sou 1 1.420 01/03/2011 - 03:47 Português
Poesia/Tristeza Outono 1 1.208 01/02/2011 - 22:41 Português
Videos/Perfil 577 0 1.280 11/24/2010 - 23:00 Português
Videos/Perfil 576 0 1.275 11/24/2010 - 23:00 Português
Fotos/ - 3749 0 1.621 11/24/2010 - 00:58 Português
Fotos/ - 3739 0 1.418 11/24/2010 - 00:54 Português
Fotos/ - 2720 0 1.644 11/24/2010 - 00:51 Português
Fotos/ - 3785 0 1.523 11/24/2010 - 00:40 Português
Fotos/ - 1221 0 1.330 11/24/2010 - 00:38 Português
Fotos/ - 2540 0 1.453 11/24/2010 - 00:38 Português
Fotos/ - 1143 0 1.342 11/24/2010 - 00:37 Português
Fotos/ - 1108 0 1.799 11/24/2010 - 00:37 Português