CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

O brusco despertar de um povo

Envoltos em um sono profundo
Dormia uma nação inteira
E nem mesmo via o caos instalado nas ruas
E o desespero nas grandes cidades
O pânico de vidas desoladas
A carestia e o preço dos alimentos subindo
O combustível
O fogo debaixo das cinzas
E o sangue fora das veias abertas
Na sociedade perdida em seus pesadelos
Boletos e impostos sem fim
Sugando até a última gota de suor
De um povo que ainda dorme o sono da indiferença.

Cala essa boca!
Gritavam nas calçadas
Os velhos insatisfeitos com os jovens
Escondidos nos matagais e muros caídos
Ninguém notava a angústia dos trabalhadores
Varrendo o lixo das vielas
Nas favelas
Tiros na madrugada fria
E os sem tetos cobertos de folhas de jornal
Parece um mal
Na sociedade capitalista selvagem.

O brusco despertar de um povo
É tão aguardado como o sol no inverno
Para ver se vai para o inferno
Todos os sanguessugas do mundo hodierno.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

segunda-feira, julho 19, 2021 - 20:26

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Online
Título: Membro
Última vez online: há 1 hora 42 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 5957

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor Te amo de tal forma 0 17 07/30/2021 - 13:30 Português
Fotos/Gentes e Locais As maravilhas de nossa terra! 0 18 07/29/2021 - 15:44 Português
Poesia/Dedicado Uma mulher especial 2 174 07/29/2021 - 15:40 Português
Poesia/Desilusão O que separa a alma do coração 0 42 07/29/2021 - 15:38 Português
Poesia/Amor Se você ama com sinceridade 0 88 07/28/2021 - 14:00 Português
Poesia/Fantasia O toque suave na alma 0 55 07/27/2021 - 13:49 Português
Poesia/Pensamentos Quero ser livre 0 47 07/26/2021 - 15:27 Português
Poesia/Meditação A Bíblia é para mim... 0 48 07/26/2021 - 12:47 Português
Poesia/Amor Quando se fala de amor 0 84 07/25/2021 - 19:04 Português
Poesia/Amor A razão principal 0 79 07/21/2021 - 20:45 Português
Poesia/Desilusão Felicidade passageira 0 75 07/21/2021 - 18:56 Português
Poesia/Pensamentos O futuro é tão incerto quanto o presente 0 117 07/20/2021 - 15:45 Português
Poesia/Amor Vento e pensamento 2 104 07/19/2021 - 20:34 Português
Poesia/Intervenção O brusco despertar de um povo 0 65 07/19/2021 - 20:26 Português
Poesia/Amor O amor é a essência da vida 0 62 07/19/2021 - 13:34 Português
Poesia/Tristeza Depois do adeus 0 75 07/18/2021 - 19:29 Português
Poesia/Paixão A magia do amor eterno que senti ao seu lado 0 116 07/17/2021 - 20:19 Português
Poesia/Intervenção Bala perdida, chocolates e vacinas 0 162 07/15/2021 - 13:49 Português
Poesia/Intervenção Sonhei pelas margens do rio 0 175 07/14/2021 - 13:11 Português
Poesia/Amor O sonho tão real em mim 0 130 07/13/2021 - 15:11 Português
Poesia/Desilusão Não foi fácil mentir para o coração 0 137 07/12/2021 - 19:34 Português
Poesia/Amor O reino dos loucos amores 0 154 07/12/2021 - 14:18 Português
Poesia/Meditação O coração na coisa certa 0 166 07/10/2021 - 14:12 Português
Poesia/Paixão Pode até negar-me o seu amor... 0 98 07/09/2021 - 19:23 Português
Poesia/Desilusão Do fundo da alma 0 133 07/08/2021 - 16:38 Português