CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Pós-modernidade

Antes,
tudo era seguro,
sempre tão maduro,
em busca do puro,

antes,
tudo era ideal,
sempre natural,
era bem ou mal,

antes,
passado trazia,
tanta harmonia,
o mundo sorria,

antes,
existia história,
rica em memória,
vida era notória.

Agora,
reina'insegurança,
falta confiança,
com tanta mudança,

agora,
vale o desigual,
fora do normal,
tudo é tão fatal,

agora,
não há outra via,
senão a'apatia,
falta energia,

agora,
vida é ilusória,
fruto da escória,
perdeu-se a vitória.

Fragmentação consciente dos valores antes adquiridos.

Submited by

quinta-feira, outubro 29, 2009 - 01:51

Poesia :

No votes yet

RobertoEstevesdaFonseca

imagem de RobertoEstevesdaFonseca
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 semanas 3 dias
Membro desde: 07/05/2009
Conteúdos:
Pontos: 11282

Comentários

imagem de FlaviaAssaife

Re: Pós-modernidade

É Roberto...

O progresso tem seu preço! Ainda bem que existe pessoas assim, como você, que podem nos levar a refletir...

Lindo texto! Bj :-)

imagem de RobertoEstevesdaFonseca

Re: Pós-modernidade

Flávia.

Muito obrigado pelo seu atento comentário.

Bj
REF

imagem de danyfilipa

Re: Pós-modernidade

Fantástico este seu poema de um antes e um depois!

Adorei!

beij :-)

imagem de RobertoEstevesdaFonseca

Re: Pós-modernidade

Muito obrigado,Dany, pelo seu lindo comentário.

Um beijo. :-)

imagem de MarneDulinski

Re: Pós-modernidade

RobertoEstevesdaFons!

Pós-modernidade

agora,
vida é ilusória,
fruto da escória,
perdeu-se a vitória.
Lindo, gostei
MarneDulinski

imagem de RobertoEstevesdaFonseca

Re: Pós-modernidade

Obrigado, Marne, pelo seu gentil comentário.

Um abraço,
REF

imagem de Gisa

Re: Pós-modernidade

Mas ainda existimos, nós os poetas, para fazermos com que o mundo não se esqueça do belo. Está aí o exemplo, você maravilhoso, e seu poema. beijos no coração

imagem de RobertoEstevesdaFonseca

Re: Pós-modernidade

É verdade, Gisa.

Nós, poetas, estamos aqui para isto.

Obrigado pelo teu rico comentário.

Beijos no coração para ti também,
REF

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of RobertoEstevesdaFonseca

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral POR QUE CANTAR 0 118 01/27/2020 - 19:57 Português
Poesia/Geral PEQUENO SONHO 2 208 12/07/2019 - 04:47 Português
Fotos/Natureza INUSITADO TOMATE 1 147 12/04/2019 - 09:34 Português
Poesia/Dedicado MANEIRA DE ARTE 0 200 11/22/2019 - 16:04 Português
Poesia/Haikai TROÇA 0 155 11/02/2019 - 02:18 inglês
Poesia/Amor VANDA 0 191 10/07/2019 - 04:13 Português
Poesia/Geral ENTIDADES 0 167 09/22/2019 - 05:04 inglês
Poesia/Geral ENTIDADES 0 162 09/22/2019 - 05:04 inglês
Poesia/Geral ENTIDADES 0 220 09/22/2019 - 05:04 inglês
Poesia/Intervenção FRAGMENTOS 1 251 09/17/2019 - 13:55 Português
Poesia/Amor PEQUENA HISTÓRIA DE CASAMENTO 0 476 09/02/2019 - 05:58 Português
Poesia/Pensamentos DO SER E DO SENTIDO 0 356 07/05/2019 - 21:04 Português
Poesia/Amor POEMA DA JOANINHA 2 4.658 05/02/2019 - 01:44 Português
Poesia/Amor UMA ESTÁ NA OUTRA 0 285 05/01/2019 - 18:24 Português
Poesia/Geral PÉ-DE-VALSA 0 450 03/22/2019 - 17:34 Português
Poesia/Geral UNIVERSO UNE VERSOS 0 369 03/22/2019 - 17:29 Português
Poesia/Geral UNIVERSO UNE VERSOS 0 445 03/22/2019 - 17:24 Português
Poesia/Amor ORAÇÃO 0 691 07/18/2018 - 02:57 Português
Poesia/Pensamentos DESEJO DE DESEJO (res nullius) 1 952 03/29/2018 - 22:52 Português
Poesia/Geral Parto, partir 4 1.781 03/07/2018 - 09:46 Português
Poesia/Geral Brisa 3 1.783 02/28/2018 - 17:06 Português
Prosas/Pensamentos UMA HISTORINHA FICTÍCIA, É CLARO, SOBRE EVOLUÇÃO 3 1.027 02/28/2018 - 17:04 Português
Poesia/Pensamentos ALTERIDADE 3 1.058 02/28/2018 - 16:30 Português
Prosas/Outros HISTÓRIA ROMÂNTICA SOBRE BRUXAS MEDIEVAIS 0 627 01/26/2018 - 03:22 Português
Poesia/Amor PELO RUMO DO TEMPO 1 947 10/22/2017 - 20:55 Português