CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Receio do remate

Receio do remate

Quero ver de novo os raios metais
dos estrondos obscuros.
Tenho aceito longos braços nos
escombros dos muros.

Está refletindo o trovador com o
findar dos seus dias.
Os messes despejam nele um frio
na alma que cria.

Virá a outra estação com apenas
um vento quente.
Ouço os cantos dos pássaros felizes
apures que gente...

O vigor que faísca na minha ilha é
de tempo contado.
Vem depressa novidade, vê se nasce
nesse pobre coitado.

O NOVO POETA. (W.Marques).

Submited by

quinta-feira, junho 16, 2016 - 18:18

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

onovopoeta

imagem de onovopoeta
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 28 semanas
Membro desde: 04/19/2009
Conteúdos:
Pontos: 1469

Comentários

imagem de Joel

apenas um vento quente.

apenas
um vento quente.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of onovopoeta

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos Santo do pau oco 0 2.581 11/03/2018 - 21:51 Português
Poesia/Geral Gemas acabrunhadas 0 2.117 10/19/2018 - 14:06 Português
Poesia/Geral Receio do remate 1 3.169 10/15/2018 - 16:47 Português
Poesia/Meditação Talvez um anjo 1 2.590 10/15/2018 - 16:46 Português
Poesia/Meditação Oscilação 1 3.506 10/15/2018 - 16:45 Português
Poesia/Geral Dito-cujo 2 3.166 10/15/2018 - 16:43 Português
Poesia/Geral Abstrato 2 3.274 03/15/2018 - 09:42 Português
Poesia/Amor Sobejar de paixão 2 2.125 03/15/2018 - 09:41 Português
Poesia/Geral Beiços de homens 1 2.117 02/27/2018 - 11:37 Português
Poesia/Meditação Morte e vida 1 3.646 02/27/2018 - 11:36 Português
Poesia/Amor Pétalas do amor 1 2.707 01/22/2018 - 14:58 Português
Poesia/Meditação 10 graças 1 3.409 05/29/2016 - 13:03 Português
Poesia/Geral Sinfônica saúde 0 2.142 04/22/2016 - 15:02 Português
Poesia/Geral Santas descabidas 0 2.673 02/21/2016 - 20:22 Português
Poesia/Amor Vinho triste 0 2.542 02/21/2016 - 20:20 Português
Poesia/Amor Lucidez abstrusa 0 3.898 12/24/2015 - 12:19 Português
Poesia/Geral Oportunista 0 2.433 11/07/2015 - 22:42 Português
Poesia/Geral Fluidos mínimos 0 2.562 09/23/2015 - 11:55 Português
Poesia/Geral Mortos odoríferos 0 2.434 07/21/2015 - 11:30 Português
Poesia/Amor Princesa do gueto (A morte da princesa). 0 3.472 06/13/2015 - 19:21 Português
Poesia/Meditação Dias encafifados 0 3.067 04/29/2015 - 12:07 Português
Poesia/Amor Amor de seis rimas 0 3.201 03/27/2015 - 12:29 Português
Poesia/Geral Mortos do vaso 0 2.360 02/15/2015 - 13:26 Português
Poesia/Amor Memórias de girasol 0 2.913 01/15/2015 - 11:12 Português
Poesia/Fantasia Luzes dos lampiros 0 2.500 12/23/2014 - 14:55 Português