CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

SÓ ETERNAMENTE

Tu és poesia até quando eu acordo sonolento.
O lençol azul é o mar onde descansa o teu corpo.
A cortina da janela balança feito vela e se esfrega no vento.
Quero em ti me socorrer e ancorar, porque és meu porto.
                                                                    
Na catedral que espeta o céu com majestade,
o órgão e o coral se afinam em são louvor.
Explodem os sinos cantando badalação para a cidade
que amanhece nas luzes, nas cores, nas flores, no amor.

E, quando chego à janela que passou a noite aberta,
olho para a cama e você está exposta sorridente.
O ínterim se excita, não dormes, és desperta.
Ah! Se esse momento fosse só eternamente!

Eu fui esta semana parado em uma 'blitz',
saiba o que aconteceu
jthamiel
09.06.16
21:16h

Submited by

sábado, junho 11, 2016 - 13:31

Poesia :

No votes yet

J. Thamiel

imagem de J. Thamiel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 dia 4 horas
Membro desde: 05/02/2016
Conteúdos:
Pontos: 3797

Comentários

imagem de J. Thamiel

Comentando

Quando sabemos que acessam o que escrevo,
me sinto impulsionada a produzir mais.
A poesia é uma forma vibrante de se
comunicar com outras pessoas que tem
almas semelhantes às nossas.
A poesia é uma 'animalogia' (estudo da alma)

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of J. Thamiel

Tópico Títuloícone de ordenação Respostas Views Last Post Língua
Poesia/Geral 0 0 08/25/2020 - 16:16 Português
Poesia/Geral 0 2 08/25/2020 - 16:15 Português
Poesia/Geral 0 0 07/10/2020 - 17:09 Português
Poesia/Geral 0 0 07/10/2020 - 17:08 Português
Poesia/Geral 0 0 04/09/2020 - 02:15 Português
Poesia/Geral 0 0 04/09/2020 - 02:14 Português
Poesia/Desilusão CRECIMIENTO 0 3.082 10/05/2019 - 15:44 Espanhol
Poesia/Geral A s a u d a d e 0 3.489 07/30/2018 - 17:14 Português
Poesia/Geral A CHUVA 0 2.398 10/26/2017 - 15:53 Português
Poesia/Geral A FOLHA SECA 2 4.001 06/15/2018 - 18:30 Português
Poesia/Geral DELÍRIO DE PYATÃ 0 1.604 02/07/2017 - 01:05 Português
Poesia/Geral Deus perdoa sempre. Os homens de acordo com seus interesses. A natureza... nunca! 0 2.140 09/20/2016 - 12:53 Português
Poesia/Pensamentos E S F I N G E 1 419 06/07/2024 - 19:41 Português
Poesia/Geral EL TIEMPO 0 6.080 09/26/2018 - 17:13 Espanhol
Poesia/Amor FELISBELA, MEU AMOR 0 2.514 05/24/2016 - 12:38 Português
Poesia/Geral FILOSOFIA DE UM BÊBADO 0 2.956 12/17/2019 - 14:15 Português
Poesia/Geral LA FELICIDAD 2 3.518 03/02/2018 - 14:59 Espanhol
Poesia/Geral MEUS VERSOS TALVEZ TE AGRADEM... 0 3.989 05/06/2016 - 12:32 Português
Poesia/Dedicado O BOM POETA - (Homenagem) 0 2.357 02/07/2019 - 17:38 Português
Poesia/Fantasia OUTONO (Poesia concreta) 0 3.060 08/01/2016 - 01:12 Português
Poesia/Meditação QUANDO SOAR A TROMBETA DO ANJO 0 601 04/22/2024 - 20:50 Português
Poesia/Intervenção SE VOCÊ TEM VONTADE DE ESCREVER, FAÇA COMO EU (Parte 2) 0 1.582 11/16/2020 - 23:00 Português
Prosas/Outros "belém" ou pra lá de "belém"? 0 2.184 12/02/2016 - 14:22 Português
Poesia/Geral "DE BOA" 4 3.186 07/21/2016 - 19:37 Português
Poesia/Dedicado "DE MEIA" 0 1.570 06/27/2016 - 19:30 Português