CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

SENSAÇÕES

                                                                              
Meus tecidos são do puríssimo algodão…

Meus olhos contêm raios ultravioletas

Que se manifestam ao sabor de puras imagens

E se locupletam diante dos refis dourados

Que o mundo oferece como regalo da natureza.

Minha audição retém uma sonoplastia rítmica

Que açambarca qualquer ruído procedente do éter

Fictício ou da solidão imposta pela saudade…

Meu tato migra sempre que aveludo as porções

De um cotidiano frívolo e sem o caráter personalístico

Que a ciência exibe em suas experiências laboratoriais

Donde se obtém as híbridas sensações da sensibilidade.

Meu olfato é um exemplo típico que cobaia os prazeres

De uma existência oxigenada pela sensualidade apócrifa

E traz, ao reduto do absurdo, a impossibilidade de sentir

As emoções intempestivas da consciência inconsequente.

Por último, retenho do paladar os sabores das multidões…

O gosto é um invólucro que percebe, da infidelidade, o

Tempero nocivo das traições que sedimentam as raízes

Da infelicidade e trazem à criatura uma conexão alienígena!

Submited by

segunda-feira, novembro 2, 2020 - 23:51

Poesia :

No votes yet

imelo

imagem de imelo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 10 semanas 4 dias
Membro desde: 09/09/2009
Conteúdos:
Pontos: 1659

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of imelo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Soneto AFECÇÕES 0 221 02/08/2021 - 01:22 Português
Poesia/Geral CONEXÃO 1 118 01/27/2021 - 16:36 Português
Poesia/Geral EXTRATIVISMO 1 100 01/27/2021 - 16:33 Português
Poesia/Soneto HOMEM/MULHER 0 175 11/10/2020 - 02:56 Português
Poesia/Gótico PAISAGEM 0 225 11/04/2020 - 02:15 Português
Poesia/Soneto INFINITESIMAL 0 98 11/03/2020 - 01:52 Português
Poesia/Geral SENSAÇÕES 0 144 11/02/2020 - 23:51 Português
Poesia/Soneto SENSAÇÕES EÓLICAS 0 86 11/02/2020 - 00:32 Português
Poesia/Geral HÁBITOS & VÍCIOS 0 123 11/01/2020 - 21:34 Português
Poesia/Gótico ALUVIÃO 0 208 10/29/2020 - 03:23 Português
Poesia/Soneto JUÍZO 0 87 10/26/2020 - 02:03 Português
Poesia/Soneto NEGRUME 0 95 10/25/2020 - 14:12 Português
Poesia/Geral CIENTÍFICO 0 154 10/21/2020 - 04:47 Português
Poesia/Geral MISTÉRIOS 0 181 10/19/2020 - 02:20 Português
Poesia/Geral OS SENTIDOS 0 231 10/18/2020 - 14:48 Português
Poesia/Geral IDONEIDADE 0 141 10/17/2020 - 14:11 Português
Poesia/Soneto INTRÉPIDO 0 131 10/17/2020 - 01:37 Português
Poesia/Soneto EMBALOS 0 129 10/12/2020 - 00:36 Português
Poesia/Geral FUTUM 0 136 10/12/2020 - 00:00 Português
Poesia/Geral FUTUM 0 202 10/11/2020 - 23:57 Português
Poesia/Geral DOUTRINA 0 134 10/06/2020 - 04:33 Português
Poesia/Geral AMAR 0 202 09/30/2020 - 02:36 Português
Poesia/Gótico AGONY 0 151 09/27/2020 - 00:58 Português
Poesia/Geral AGONY 0 487 09/27/2020 - 00:21 inglês
Poesia/Geral INDOMÁVEL 0 132 09/26/2020 - 15:45 Português