CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Seus olhos na manhã do tempo

Eu abro os meus olhos na esperança
Quero ver a sua beleza diante de mim
Como vi nos meus sonhos
E quero te abraçar no silêncio da manhã
Sentir o pulsar do seu coração.

Imagino os seus lindos lábios
Entreabertos para o desejo
O meigo sorriso
Que deixa transparecer o sentimento
A razão mais pura do amor.

Vi seus olhos na manhã do tempo
Quando já não tinha mais esperança
Vivenciei esse amor
Um sentimento tão profundo
Que não consigo mais esquecer.

Então vejo você do outro lado
Dorme o sono dos justos
Será que ainda sonha?
Eu fico a imaginar que sonhos são
Na beleza ímpar de seu sonhar.

Não a quero acordar desse sonho
Então fico a admirar tamanha beleza
A sensação mais pura do amor
Bem aqui pertinho de meus braços
Mostrando que existe a felicidade.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

segunda-feira, setembro 12, 2022 - 12:27

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Online
Título: Membro
Última vez online: há 28 minutos 24 segundos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 9148

Comentários

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor Outra vez 3 27 12/04/2022 - 10:54 Português
Poesia/Amor Na minha imaginação 3 40 12/03/2022 - 21:30 Português
Poesia/Pensamentos Um mundo simples 3 73 12/03/2022 - 10:32 Português
Poesia/Meditação O aperto no peito 3 54 12/02/2022 - 22:08 Português
Poesia/Paixão Inexplicável força da paixão 3 107 12/02/2022 - 11:59 Português
Poesia/Desilusão Meu coração que se foi 3 55 12/01/2022 - 10:28 Português
Poesia/Intervenção A solidão dos vivos 3 51 11/30/2022 - 10:25 Português
Poesia/Meditação Ele veio por nós 3 44 11/29/2022 - 21:33 Português
Poesia/Meditação Deus é bom! 26 160 11/29/2022 - 17:28 Português
Poesia/Desilusão Falta de você 3 51 11/27/2022 - 10:23 Português
Poesia/Paixão Paixão indescritível no ar 3 42 11/26/2022 - 10:33 Português
Poesia/Paixão Cortinas 3 61 11/25/2022 - 13:12 Português
Poesia/Pensamentos Demiurgos escondidos 3 53 11/24/2022 - 22:50 Português
Poesia/Geral Ratos de esgoto 3 64 11/23/2022 - 23:51 Português
Poesia/Desilusão Essa noite não dormi 3 57 11/23/2022 - 18:41 Português
Poesia/Pensamentos Muito mais do que tudo isso que digo agora 3 67 11/23/2022 - 01:20 Português
Poesia/Intervenção Flagelo 3 129 11/21/2022 - 11:06 Português
Poesia/Alegria Copa do Mundo de Futebol 3 60 11/20/2022 - 11:02 Português
Poesia/Meditação Ser Negro 3 108 11/20/2022 - 10:59 Português
Poesia/Desilusão Uma temporada no Inferno 3 60 11/19/2022 - 13:12 Português
Poesia/Meditação Passos impensados 3 91 11/18/2022 - 19:04 Português
Poesia/Desilusão Atraído pela ilusão 3 114 11/17/2022 - 18:46 Português
Poesia/Desilusão Outra noite 3 85 11/16/2022 - 18:24 Português
Poesia/Amor A ilusão criada pelo olhar 3 125 11/15/2022 - 11:05 Português
Poesia/Amor Não sabia o que fazer de mim 3 146 11/14/2022 - 10:42 Português