CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Tal qual um peregrino

Um dia quando não tinha nada
Alguém roubou meu coração.
Eu era tão inocente e frágil
Que nem tive tempo para uma reação.
Esse alguém era tão meiga,
Não disse nada, apenas seu olhar
Invadiu minha alma
Como um rio invade o mar.
Foi algo tão sublime e encantador
Que fiquei sem saber o que fazer;
Sua beleza era de uma princesa
Tinha um encanto que nem sei dizer.
Tudo isso me tirou do chão
Fiquei suspenso no ar como uma nuvem.
Mas, logo veio as desilusões da vida
A tristeza e o desespero também...
Simplesmente porque só eu amei.
Para mim ela era tudo no mundo
Para ela eu era um simples mortal comum
Isso me deu no peito um corte profundo.
Agora ando tal qual um peregrino
Sem saber o que fazer.
Meu coração está em pedaços
Dói profundamente o meu ser.
Quisera eu que Deus me ouvisse
As súplicas que a Ele eu imploro,
Que tirasse do meu peito esse amor
Pois com ele eu sofro e choro...

Odair José
Poeta e Escritor Cacerense.

Submited by

sexta-feira, maio 15, 2009 - 20:22

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 dias 15 horas
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 4050

Comentários

imagem de jopeman

Re: Tal qual um peregrino

Um corte na alma
Gostei
Abraço

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão Vou ver a sombra que você se tornou 0 12 01/17/2020 - 18:34 Português
Poesia/Amor As estrelas são testemunhas 0 30 01/16/2020 - 18:38 Português
Poesia/Desilusão E esse foi o fim 0 14 01/14/2020 - 20:59 Português
Poesia/Tristeza Porque saudade é abraçar o vazio 3 182 01/14/2020 - 18:26 Português
Poesia/Amor Vestida com o manto de amor 0 14 01/14/2020 - 18:25 Português
Poesia/Amor Pedi um amor que tivesse os seus olhos 0 28 01/13/2020 - 19:41 Português
Poesia/Meditação No topo da montanha 0 34 01/10/2020 - 19:39 Português
Poesia/Canção Sonhos do Poeta 0 17 01/09/2020 - 22:26 Português
Poesia/Alegria Há um sorriso em mim 0 42 01/08/2020 - 11:55 Português
Poesia/Pensamentos Ignorante razão 0 26 01/07/2020 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos Paraíso dos demônios 0 26 01/06/2020 - 13:39 Português
Poesia/Desilusão Fragmentos de uma ilusão 0 34 01/03/2020 - 13:08 Português
Poesia/Meditação Desejos de Ano Novo 0 48 01/02/2020 - 11:40 Português
Poesia/Alegria Sonhos de Fim de Ano 0 73 12/30/2019 - 12:48 Português
Poesia/Amor A inocência do coração 0 54 12/29/2019 - 13:17 Português
Poesia/Desilusão Contágio 0 70 12/28/2019 - 14:01 Português
Poesia/Amor Quem ama ouve sempre a voz do amor 0 40 12/26/2019 - 20:48 Português
Poesia/Pensamentos O Natal de Stone Halls 0 52 12/25/2019 - 00:18 Português
Poesia/Pensamentos Abstração 0 106 12/13/2019 - 23:47 Português
Poesia/Canção Seus olhos me perseguem 0 68 12/09/2019 - 22:50 Português
Poesia/Amor Ela dormiu em meus braços 0 51 12/07/2019 - 12:46 Português
Poesia/Tristeza O brilho do sol 0 84 11/30/2019 - 00:09 Português
Poesia/Amor Porque te amo 0 72 11/22/2019 - 00:18 Português
Poesia/Desilusão Pra não dar tempo de pensar em você 0 85 11/17/2019 - 17:59 Português
Poesia/Desilusão É o fim do amor sincero que senti 0 155 11/16/2019 - 14:46 Português