CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

TERMO DE AUTORIZAÇÃO LIVRE E ESCLARECIDO

Venho por este, autorizar seja quem for neste planeta,
ou, até em outro, se caso existir.
A cópia integral ou parcial de quaisquer que sejam as minhas publicações.
Autorizo até mesmo a cópia fiel do meu livro. Dispinibilizo inclusive em pdf, para facilitar o plagiador ou
contraventor da façanha.

Autorizo inclusive a venda por terceiros, para quartos, quintos, sextos, sétimos, oitavos, nonos, décimos,
Enfim, não importa a tiragem, nem a contrabandeagem, nem o lucro ilegal, de cópias.
Caso o investimento tenha sucesso, que é o que estarei, vibrando para que aconteça,
se quiser, pode dividir alguma porcentagem,
em espécies, em ouro, em brilhante, em euro, em dólar, em conhecimento!

Não importa, se quiser, fique com tudo!Mesmo assim, estarei torcendo por ti!
Porque meu caro, essa história de que obra de arte tem dono, é balela!
Porque meu caro, essa historia de direito autorais, é conversa fiada!
Porque meu caro, essa história de monopolizar e lucrar absurdamente,
É egocentrismo, egoísmo, narcisismo, estrelismo, sensacionalismo, fanatismo,
Seja lá que ismo desses por aí, que desejar adicionar.

Não decidi ser poeta para ganhar reconhecimento e milhões em dinheiro!
Para este fim, existem profissões ou apelações que me levariam a isso!
Mas escolhi sim, decidi sim, ser docente e eternamente dicente!
Mas enfim, neste mundo sem fim, entendi que não decidi ser poeta,
Apenas sou poeta, nasci poeta, morrerei poeta!

Assim, tenho somente a agradecer seja quem for, a fazer quantas reproduções
necessitar, com ou sem fins lucrativos. Por que lá no fundo, para esta ação,
não há valor que pague um ato tão benevolente.
Afinal, a missão do artista é disseminar a arte,
pelo simples gesto de difundir a arte. Isto não tem preço!

Que se difundam minhas ideias, que meus pensamentos
percorram todos os quatro cantos do mundo, em ondas, em brisas, em tempestades,
que todas e quaisquer obras publicadas, editadas e de minha autoria,
sejam acessíveis a todos, que se clonem, que colem, que copiem, que reproduzam,
que xeroquem, que escaneiem, que façam spam, que compartilhem, que leiam,
que apreciem, que reflitam, que raciocinem, que simplesmente sirva
ao corpo, a mente, a alma, o coração, a razão, a emoção, a paixão.

Mesmo que não indique a autoria, mesmo assim, autorizo que recortem,
usem, abusem, de citações, indicações, ou até em mensagens de caminhão,
que se multipliquem quantas vezes for preciso, todos os meus versos.
Não há valor numérico que compense o valor de se disseminar uma obra.

Fica completamente esclarecido e autorizado o que consta neste presente termo.

Simone Maria Martins

03.Jan.2013

Submited by

sábado, janeiro 5, 2013 - 02:48

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

unapoetisa

imagem de unapoetisa
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 46 semanas
Membro desde: 02/04/2011
Conteúdos:
Pontos: 1388

Comentários

imagem de unapoetisa

Ah!!!

Fique à vontade, meu amigo!rs
Abraços poéticos...
Simone

imagem de unapoetisa

Amigo, Nuno Lago

Adorei vossa definição desta crônica!
PROCLAMAÇÃO!

Nosso ilustre Paulo Coelho, é um grande exemplo disto que eu disse!

Um grande beijo poético!

Simone

imagem de Nuno Lago

LIVRE E ESCLARECIDO

Simone, permite-me que, preservando os direitos legais antes concedidos a editores e livreiros, seja subscritor do teu Termo de Autorização...
Tributo sincero aplauso à tua proclamação!!
Beijo grande.
Nuno

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of unapoetisa

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor Meu Oceano 1 1.092 02/27/2018 - 11:25 Português
Poesia/Tristeza Lamentações 1 821 02/27/2018 - 11:20 Português
Poesia/Haikai Quadrikai Rimado (Oposto Haikai?) 3 1.124 06/14/2014 - 00:11 Português
Poesia/Pensamentos ASNOS NO AMOR 0 896 09/21/2013 - 04:24 Português
Poesia/Pensamentos CORRE PRA NÃO PERDER A POESIA 0 1.069 09/08/2013 - 19:06 Português
Poesia/Amor AMOR FORÇADO 0 2.883 07/27/2013 - 20:35 Português
Poesia/Pensamentos Escrita: necessidade latente 0 1.111 04/28/2013 - 20:40 Português
Poesia/Amor Correspondência do Ato de Amar 0 1.029 04/15/2013 - 01:58 Português
Fotos/Pessoais UM "QUASE" AUTO-RETRATO - COLOR 4 2.060 04/11/2013 - 04:52 Português
Videos/Música COSE DELLA VITA 0 1.604 03/31/2013 - 23:30 Português
Fotos/Pessoas UM "QUASE" AUTO-RETRATO - DESENHO 0 1.851 03/31/2013 - 23:23 Português
Poesia/Meditação Eu e a natureza 0 1.163 03/30/2013 - 19:31 Português
Poesia/Amor A Fórmula do Amor em H dois O 2 998 03/30/2013 - 19:23 Português
Poesia/Meditação A Chuva, o Vento e a Mente 2 1.176 03/29/2013 - 04:15 Português
Poesia/Amor Não tenha vergonha do amor 2 1.003 03/17/2013 - 17:18 Português
Poesia/Amor Infinito Amor 0 898 03/17/2013 - 17:09 Português
Poesia/Pensamentos Poesias que se ressignificam ao longo da vida 0 1.006 03/10/2013 - 14:21 Português
Poesia/Pensamentos Sim ou Não 4 893 03/02/2013 - 04:26 Português
Poesia/Dedicado João e Maria 0 1.073 02/27/2013 - 13:32 Português
Poesia/Pensamentos Homem ou Mulher (In)‘decente’ 2 1.029 02/10/2013 - 02:44 Português
Poesia/Amor AMOR EM LIBERDADE 2 1.087 02/10/2013 - 02:40 Português
Poesia/Pensamentos Versos Secretos 6 1.043 01/05/2013 - 23:19 Português
Poesia/Dedicado Um Tributo a Todo Poeta 6 1.820 01/05/2013 - 23:11 Português
Poesia/Pensamentos TERMO DE AUTORIZAÇÃO LIVRE E ESCLARECIDO 3 1.010 01/05/2013 - 23:09 Português
Poesia/Dedicado Coisa de Poeta 2 996 01/05/2013 - 02:55 Português