CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Anjos sem asas 1.ª parte

Ela fora avisada de que o processo seria doloroso e, mesmo assim, dispusera-se a passar por ele, pois supunha que nunca poderia conhecer seu verdadeiro valor se não se submetesse às dores inevitáveis. Queria saber se tinha coragem real, se seria capaz de resistir até o fim. 
-Está bem, Maliel, eu acedo a teu pedido, embora ele me seja estranho.respondera seu líder.
-Sei que não me entendes, mas penso que seremos mais úteis saindo de nosso lugar confortável e experimentando a dor dos outros para sermos capazes de compreendê-los e ajudá-los.
-Tua razão é lógica, minha criança. Tua disposição para o sacrifício e a dor são louváveis. Mas lembre que isto ocorreu antes. Temos visto progressos desde então? Temos,admito, mas não muitos.
-Por isto mesmo, quero fazer a minha parte. Penso que será necessário mais esforço.
-Vai, e que Deus a acompanhe, minha criança. Mas entendas que passarás por dores terríveis e, uma vez que mudares de condição, sentirás medo, poderás ser ferida e sofrerás todas as tentações.
-Preciso desafiar a mim mesma para ser digna de minha condição de anjo, meu senhor. E, se nem Aquele que foi enviado para salvar os humanos se livrou de ser tentado, não posso evitar isto.
-Não, não pode, minha criança. Gostaria de que não tivesses que sofrer, Maliel, mas isto é inevitável. Saibas que estarei contigo, filha.
-Não temerei. Levarei comigo os teus ensinamentos.
-Fecha os olhos, filha.
Seu líder segurou-lhe a mão e ela lhe sorriu, mostrando confiança.
Fechando os olhos, ela se preparou e, sentiu uma dor excruciante, como se garras se enfiassem nela, arrancando impiedosamente suas asas. A dor parecia que não ia parar, algo mudava dentro dela, fazendo com que se transmutasse em carne, sangue começasse a circular nela que, até então, nunca tivera veias e artérias.
Conheceu os limites e as dificuldades de ser humana, tendo contato com a raiva, o medo, a tristeza, a dúvida e todos os demais sentimentos e desejos fúteis e torpes tão comuns às pessoas. Deu um longo grito antes de desfalecer.

Submited by

segunda-feira, dezembro 15, 2014 - 10:30

Prosas :

No votes yet

Atenéia

imagem de Atenéia
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 anos 9 semanas
Membro desde: 03/21/2011
Conteúdos:
Pontos: 2453

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Atenéia

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão Don't call me anymore 1 1.840 03/14/2018 - 13:22 inglês
Poesia/Geral Now, we are together 1 2.161 03/13/2018 - 21:29 inglês
Poesia/Fantasia Give me wings 1 1.785 03/13/2018 - 21:29 inglês
Poesia/Amor How can I show you 1 2.114 03/13/2018 - 16:48 inglês
Poesia/Tristeza You'll never be forgotten 2 2.279 03/10/2018 - 13:37 inglês
Poesia/Geral Não haverá mais segredos 1 1.100 02/09/2018 - 10:39 Português
Poesia/Tristeza We're never ready to say goodbye 0 2.247 03/12/2017 - 11:42 inglês
Poesia/Amor Sentimentos 0 1.237 01/19/2017 - 23:46 Português
Poesia/Geral Irmão 0 1.293 01/07/2017 - 21:42 Português
Poesia/Desilusão I'll never see you again 0 2.057 01/03/2017 - 15:02 inglês
Poesia/Desilusão O seu melhor 0 2.036 01/03/2017 - 14:58 Português
Poesia/Desilusão O último adeus 0 1.309 12/28/2016 - 16:36 Português
Poesia/Meditação Aonde pensamos 0 1.405 12/28/2016 - 16:32 Português
Poesia/Gótico A velha do saco de ossos 0 1.995 11/23/2016 - 16:45 Português
Poesia/Gótico Presenças espectrais 0 1.498 11/23/2016 - 16:36 Português
Poesia/Desilusão Don't come back to me 0 1.821 11/17/2016 - 16:11 inglês
Poesia/Geral Teu grito 0 1.632 11/17/2016 - 16:08 Português
Poesia/Gótico Peso morto 0 1.935 11/16/2016 - 23:36 Português
Poesia/Desilusão Learn to live alone 0 3.403 11/12/2016 - 11:23 inglês
Poesia/Meditação Torta 0 1.516 11/10/2016 - 16:23 Português
Poesia/Gótico O coração dilacerado 0 2.058 11/07/2016 - 15:48 Português
Poesia/Fantasia O presente 0 1.647 11/07/2016 - 15:45 Português
Poesia/Amor Ready to love 0 2.438 10/27/2016 - 21:42 inglês
Poesia/Amor Laços 0 1.939 10/27/2016 - 21:38 Português
Poesia/Fantasia Esta loucura 0 2.808 10/26/2016 - 16:18 Português