CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

O TICO-TICO E O OPERÁRIO

Em 1972 eu trabalhava no setor de expedição e na hora do almoço eu me deslocava até o restaurante passando por uma calçada gramada onde havia um pinheiro.
Certo dia após o almoço, fiquei curioso ao notar um tico-tico, que entrava e saia do pequeno pinheiro, cheguei mais perto desta árvore e avistei no seu interior a mamãe tico-tico aquecendo seus futuros filhotes que estavam dentro de pequenos ovos.
A partir desse dia me tornei amigo daquele pássaro, e sempre na hora do almoço reservava alguns minutos para “bater um papo”, que se tornou costumeiro.
Um dia eu notei que a mamãe tico-tico, que eu apelidei de “tica” estava muito agitada, entrando e saindo do ninho sem parar. Eu me aproximei, e de dentro do seu ninho escutei o choro de seus filhinhos que saíra dos ovinhos.
Alguns colegas de trabalho estranharam minha atitude e me perguntaram o que havia naquele pinheiro, que eu visitava todos os dias.
Contei-lhes o ocorrido, e eles quiseram conhecer a família tico-tico.
Levei-os até lá e falei com a mamãe tico-tico:
Tica: você tem visita!
Ela saiu do ninho, pousou numa árvore próxima, e só retornou após todos os meus colegas verem a novidade.
Em seguida presenciei uma cena preocupante, operários do setor de jardinagem da empresa, tinham ordens de derrubarem aquele pinheiro onde ficava a “casa” da minha amiguinha tico-tico.
Imediatamente tentei impedi-los, expondo-lhes minha justificativa, mas não consegui sensibilizá-los. Eles diziam que estavam apenas cumprindo ordens superiores.
Finalmente depois de muita conversa consegui convence-los a me aguardar no local e me dirigi até o responsável do setor que era o Engenheiro Sr. Rostanho que quis ir até o local verificar o caso pessoalmente.
Chegando ao local mostro-lhe o ninho do tico-tico, e ele se emociona, ao presenciar aquela família e dá uma ordem:
Está suspenso o corte deste pinheiro enquanto os filhotes de tico-tico não puderem voar e sair espontaneamente do seu ninho e pediu aos jardineiros para deixarem o local.
Assim foi feito e os tico-ticos cresceram e se multiplicaram e é muito comum presenciar esses pássaros que até hoje frequentam as instalações da empresa, usando as árvores e porque não, até os buraquinhos dos muros que cercam a fábrica.
Este causo vem reforçar a preocupação que os dirigentes e funcionários têm com o meio ambiente.

Causo verídico acontecido com meu pai:
José Jesus Gueta

Submited by

quinta-feira, dezembro 31, 2009 - 16:10

Prosas :

No votes yet

poetadoabc

imagem de poetadoabc
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 7 semanas 5 dias
Membro desde: 09/05/2009
Conteúdos:
Pontos: 6463

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of poetadoabc

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Alegria 4 ESTROFES PARA RIR... OU CHORAR? 5 25.430 06/11/2019 - 10:46 Português
Poesia/Geral PREFÁCIO DO LIVRO "O TREM DA SALVAÇÃO" DO AUTOR ARAPIRAQUENSE CARTUXO CORDELISTA FERREIRA 0 189 03/09/2019 - 14:55 Português
Poesia/Acrósticos ANITA ROMERO GONZALEZ 1 355 03/06/2019 - 13:21 Português
Poesia/Amor VOCÊ AINDA ACREDITA NO AMOR? 1 220 03/03/2019 - 13:45 Português
Poesia/Geral O MILAGRE DO PRETINHO, É UM RESUMO EM FORMA DE POESIA DO LIVRO "MINHA HISTÓRIA - O PRETINHO" 0 495 06/14/2018 - 03:51 Português
Críticas/Livros LANÇAMENTO DO LIVRO "MINHA HISTÓRIA - O PRETINHO", de autoria de Walmir Coelho... Boa leitura! 0 602 06/14/2018 - 03:13 Português
Pintura/Figurativo ACALA 0 1.097 06/01/2018 - 03:36 Português
Fotos/Eventos AS FLORES DO JARDIM DA MINHA CASA 0 852 06/01/2018 - 03:26 Português
Fotos/Gentes e Locais HOMENAGEM À CORCINO DE OLIVEIRA COELHO 0 819 06/01/2018 - 03:18 Português
Fotos/Eventos José Carlos Gueta O POETA DO ABC Membro Honorário da ACALA 0 880 06/01/2018 - 03:12 Português
Poesia/Amizade CONSELHOS DE PAI PARA FILHO 0 548 09/06/2017 - 00:45 Português
Poesia/Amor JARDIM DA PAZ 0 610 09/06/2017 - 00:42 Português
Poesia/Alegria EXPERIMENTE POESIA 0 607 09/06/2017 - 00:38 Português
Poesia/Dedicado A HISTÓRIA DO CORINTHIANS 0 576 09/02/2017 - 15:29 Português
Poesia/Acrósticos ESTRELISMO 0 808 09/02/2017 - 15:25 Português
Poesia/Tristeza TRISTE REALIDADE 1 972 09/02/2017 - 15:13 Português
Poesia/Meditação O MUNDO PELO OLHAR DO IDOSO 1 998 08/29/2017 - 17:59 Português
Poesia/Tristeza O NAUFRÁGIO DA LANCHA 0 634 08/26/2017 - 00:28 Português
Poesia/Desilusão CICATRIZ 0 716 08/26/2017 - 00:25 Português
Poesia/Dedicado SOLITÁRIO POR OPÇÃO 0 918 08/26/2017 - 00:20 Português
Poesia/Meditação VIAGEM LITERÁRIA 1 793 08/10/2017 - 01:40 Português
Poesia/Dedicado CARRO DE BOI 0 1.436 08/10/2017 - 01:27 Português
Poesia/Tristeza HOMEM INVISÍVEL 0 706 07/23/2017 - 02:00 Português
Poesia/Dedicado MENINO POLIVALENTE 0 743 07/23/2017 - 01:54 Português
Poesia/Alegria GENTE 0 987 07/23/2017 - 01:50 Português