Dito-cujo


Dito-cujo

Largamos abarrotar o dito-cujo, coisinha.
Largamos abarrotar o dito-cujo, coisinha.
Essas nascidas de nossos ossos
Posso fazer o novo em estações

Mas com que fim Joãozinho? meu
velho irmão embora sem mãos e
metendo as mãos na obra coisinha.
Querido amigo você é o culpado?

Culpado, que saco ensopado hem!!!
Troca às pilhas da carroça coisinha.
Ele é do leste de bochechas rosadas
uma peste de aparência abençoada

Alguém lá me manda um abraço, mas
como anda nosso santo Joãozinho?
Vai ter chuvinha no deserto, certo.
Fiz plásticas em novas ações coisinha.

O NOVO POETA. (W.Marques).

Submited by

Viernes, Octubre 12, 2018 - 18:18

Poesia :

Su voto: Nada (1 vote)

onovopoeta

Imagen de onovopoeta
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 1 año 21 semanas
Integró: 04/19/2009
Posts:
Points: 1469

Comentarios

Imagen de Joel

de novo um abraço

de novo um abraço

Imagen de Joel

um novo abraço (boa poesia a

um novo abraço (boa poesia a tua, os meus parabéns )

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of onovopoeta

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Poesia/Pensamientos Santo do pau oco 0 884 11/03/2018 - 21:51 Portuguese
Poesia/General Gemas acabrunhadas 0 708 10/19/2018 - 14:06 Portuguese
Poesia/General Receio do remate 1 1.597 10/15/2018 - 16:47 Portuguese
Poesia/Meditación Talvez um anjo 1 965 10/15/2018 - 16:46 Portuguese
Poesia/Meditación Oscilação 1 1.610 10/15/2018 - 16:45 Portuguese
Poesia/General Dito-cujo 2 1.015 10/15/2018 - 16:43 Portuguese
Poesia/General Abstrato 2 1.365 03/15/2018 - 09:42 Portuguese
Poesia/Amor Sobejar de paixão 2 605 03/15/2018 - 09:41 Portuguese
Poesia/General Beiços de homens 1 669 02/27/2018 - 11:37 Portuguese
Poesia/Meditación Morte e vida 1 1.488 02/27/2018 - 11:36 Portuguese
Poesia/Amor Pétalas do amor 1 855 01/22/2018 - 14:58 Portuguese
Poesia/Meditación 10 graças 1 942 05/29/2016 - 13:03 Portuguese
Poesia/General Sinfônica saúde 0 819 04/22/2016 - 15:02 Portuguese
Poesia/General Santas descabidas 0 867 02/21/2016 - 20:22 Portuguese
Poesia/Amor Vinho triste 0 1.128 02/21/2016 - 20:20 Portuguese
Poesia/Amor Lucidez abstrusa 0 1.616 12/24/2015 - 12:19 Portuguese
Poesia/General Oportunista 0 876 11/07/2015 - 22:42 Portuguese
Poesia/General Fluidos mínimos 0 997 09/23/2015 - 11:55 Portuguese
Poesia/General Mortos odoríferos 0 1.263 07/21/2015 - 11:30 Portuguese
Poesia/Amor Princesa do gueto (A morte da princesa). 0 1.334 06/13/2015 - 19:21 Portuguese
Poesia/Meditación Dias encafifados 0 1.215 04/29/2015 - 12:07 Portuguese
Poesia/Amor Amor de seis rimas 0 1.354 03/27/2015 - 12:29 Portuguese
Poesia/General Mortos do vaso 0 1.152 02/15/2015 - 13:26 Portuguese
Poesia/Amor Memórias de girasol 0 1.002 01/15/2015 - 11:12 Portuguese
Poesia/Fantasía Luzes dos lampiros 0 1.101 12/23/2014 - 14:55 Portuguese