CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Ósculo

Meus lábios provaram os teus,
Sentiram no aroma o teu sabor...
Néctar envolvente de mel
Que traduz a excelsa magia do amor!

Meus lábios provaram os teus,
Sentiram ternura em teu tesão...
Na meiguice do teu beijo refinado
Consumou-se o paladar em tuas lágrimas de emoção!

Meus lábios provaram os teus,
Sentiram doçura em teu carinho...
No aconchego de tua boca envolvente,
Sintomas de um amor profundo foram captados de mansinho!

Meus lábios provaram os teus,
Sentiram eflúvios em teu amor voraz...
Navegaram na cadência rítmica do ósculo alucinante
E saborearam com sofreguidão um enleio de paz!

Meus lábios provaram os teus,
Sentiram frenesi em teu estado emocional...
Mergulharam afoitos em tua pele macia,
Denunciando enlevado fulgor em nosso ímpeto passional!

Submited by

segunda-feira, outubro 12, 2009 - 19:35

Poesia :

No votes yet

imelo

imagem de imelo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 10 horas 34 minutos
Membro desde: 09/09/2009
Conteúdos:
Pontos: 1175

Comentários

imagem de Hisalena

Re: Ósculo

Um poema forte e intenso que revela o rol de sensações que uma paixão pode provocar e que vão do desejo ao prazer...

imagem de MarneDulinski

Re: Ósculo

imelo!

Ósculo
Meus lábios provaram os teus,
Sentiram frenesi em teu estado emocional...
Mergulharam afoitos em tua pele macia,
Denunciando enlevado fulgor em nosso ímpeto passional!
Lindo, gostei demais!
MarneDulinski

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of imelo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Gótico SOCIOPATIA 0 9 04/06/2020 - 04:55 Português
Poesia/Geral ÚLTIMOS SUSPIROS 0 8 04/05/2020 - 19:20 Português
Poesia/Geral ALMA DESNUDA 0 26 03/31/2020 - 23:56 Português
Poesia/Geral SUBJETIVISMO 0 23 03/31/2020 - 00:57 Português
Poesia/Soneto CIÚME 0 31 03/30/2020 - 03:28 Português
Poesia/Geral O PENSAMENTO 0 32 03/27/2020 - 00:10 Português
Poesia/Geral VETORIAIS 0 57 03/25/2020 - 05:00 Português
Poesia/Soneto VIÇO 0 51 03/24/2020 - 05:13 Português
Poesia/Soneto DIA FESTIVO 0 55 03/24/2020 - 02:51 Português
Poesia/Soneto BILATERAL 0 29 03/23/2020 - 04:17 Português
Poesia/Soneto SINTOMAS 0 56 03/21/2020 - 22:26 Português
Poesia/Soneto VESTÍGIOS 0 34 03/21/2020 - 21:51 Português
Poesia/Soneto PRINCÍPIOS 0 48 03/21/2020 - 02:29 Português
Poesia/Soneto INSTANTES ÚLTIMOS 0 35 03/20/2020 - 02:58 Português
Poesia/Geral DÚVIDAS 0 51 03/17/2020 - 03:26 Português
Poesia/Geral VÍRUS 0 68 03/14/2020 - 02:17 Português
Poesia/Soneto VEREDAS ÍNTIMAS 0 39 03/12/2020 - 02:46 Português
Poesia/Soneto MUNDO CÃO 0 107 03/11/2020 - 05:18 Português
Poesia/Amor SONATA DE AMOR 0 39 03/09/2020 - 01:56 Português
Poesia/Soneto O MUNDO 0 36 03/09/2020 - 00:02 Português
Poesia/Geral AUTOCÍDIO 0 107 03/08/2020 - 18:43 Português
Poesia/Soneto SAUDOSISMO 0 50 03/07/2020 - 04:02 Português
Poesia/Soneto MAR DE TERRA 0 61 03/06/2020 - 03:42 Português
Poesia/Soneto JUÍZO 0 92 03/01/2020 - 03:47 Português
Poesia/Geral INEXORÁVEIS 0 87 02/29/2020 - 01:40 Português