CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Amar em silencio

Silencio aquilo que mais grito.
Porque quem amo, não o quer ouvir.
Dou pancadas no que acredito,
Sem o conseguir impedir.
Mesmo com os olhos a dize-lo
Ela pede e eu calo.
Mas não hà dia, sem noite.
Nem os dois sem ti.
Por isso calado, grito por ti!

Amar assim é doentio.
É ter a felecidade presa no silencio.
Torturar e triturar o mais belo sentimento.
Que não tem culpa de nascer no momento,
Em que so ele existe.
Mas não ha dia, sem noite.
Nem os dois sem ti.
Por isso calado, grito por ti

Nada disto faz sentido.
Nada disto tem razão.
Sinto pena, da pena que sinto
Por ver algo assim crescido
Bem dentro do coração.
Sinto pena da pena que sinto
Por saber que nao havera dia sem noite
Nem os dois sem ti
Enquanto eu calado gritar por ti.

Submited by

segunda-feira, maio 28, 2012 - 23:14

Poesia :

No votes yet

Eu_e_os_Meus

imagem de Eu_e_os_Meus
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 12 semanas
Membro desde: 10/09/2009
Conteúdos:
Pontos: 754

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Eu_e_os_Meus

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza Para là da saudade 0 540 09/17/2012 - 19:07 Português
Poesia/Tristeza O relogio de prata 2 766 09/12/2012 - 14:04 Português
Poesia/Amor A Rosa 0 577 09/12/2012 - 13:54 Português
Poesia/Amor Amor sem paragem 0 416 06/25/2012 - 21:29 Português
Poesia/Meditação O Rei do Sentir 2 451 06/21/2012 - 15:19 Português
Poesia/Geral Um dia para esquecer... Outro para amar 0 463 06/21/2012 - 15:17 Português
Poesia/Meditação A Metade Perfeita 0 576 06/19/2012 - 13:06 Português
Poesia/Meditação ...E...?! 0 549 06/15/2012 - 23:13 Português
Poesia/Geral Sopro de Vida 0 532 06/15/2012 - 13:09 Português
Poesia/Meditação Os Primeiros Passos 0 687 06/11/2012 - 13:57 Português
Poesia/Geral Onde se perde a atenção 0 472 06/09/2012 - 13:32 Português
Poesia/Geral A calçada 0 1.021 06/08/2012 - 13:20 Português
Poesia/Tristeza Ver-te partir 0 944 06/03/2012 - 21:00 Português
Poesia/Amor Amar em silencio 0 569 05/28/2012 - 23:14 Português
Poesia/Tristeza Porto de morte 0 618 05/27/2012 - 13:00 Português
Poesia/Meditação Nasceu onde nunca nasceria 4 646 05/22/2012 - 13:31 Português
Poesia/Paixão Encontrei-te 2 1.217 05/22/2012 - 13:28 Português
Poesia/Amor Momento sem tento de um coração em flor 2 478 05/20/2012 - 13:53 Português
Poesia/Paixão Nervos 2 473 05/02/2012 - 13:32 Português
Poesia/Meditação O presente veste mudança 0 684 05/02/2012 - 13:29 Português
Poesia/Meditação Mundo sem paz 2 448 04/21/2012 - 22:49 Português
Poesia/Tristeza Como tu... So 2 1.262 04/21/2012 - 22:47 Português
Poesia/Meditação Vou andando 0 498 04/21/2012 - 22:45 Português
Poesia/Canção Liberta-te 2 511 04/13/2012 - 12:49 Português
Poesia/Meditação Sentir 0 704 04/13/2012 - 12:43 Português