CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Camões

Escrevo com dedicação
faço-o de alma e coração
nunca fui alvo de adoração
sempre actual, sem saturação
facturação baixa mas a raça
é brutal para tamanha situação
sem bombos para dar o alerta
mas sempre atento quando isto aperta
firme quando o resto deserta
tudo e mais algo me afecta
menos humano e mais poeta
soa o embater das ondas
estou a espera que me respondas
não quero que te escondas
sempre clara nunca com sombras
quero tudo nunca fico com sobras
prefiro falar com pombos do que cobras
eu sou Guevara tu és um Paulo Portas
quando é para falar verdade, até te cortas
não me dou com parvos ou ladrões
que só se dão comigo por anéis ou medalhões
mas eu grito a liberdade a plenos pulmões
Vai lá fazer de Júlia Pinheiro que eu faço de Camões
vejo dos dois olhos mas as vezes pareço cego
absorvo tudo que preciso através do ego
que tenho que crescer nunca mas nunca nego
e um amigo com dificuldades jamais renego
moribundo quanto baste para ser polémico
alimento-me de tudo não tendo a ser anémico
com talento sobe-se escadas, com dinheiro é de teleférico
na minha farmácia só há produto genuíno, não vendo genérico!

Submited by

quinta-feira, maio 26, 2011 - 03:28

Poesia :

No votes yet

Famaz

imagem de Famaz
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 8 semanas
Membro desde: 03/14/2011
Conteúdos:
Pontos: 620

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Famaz

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Fotos/Eventos Poesia Ardente no Centro de Lingua Portuguesa, Instituto Camões, em Praga, na Republica Checa! 0 1.707 04/02/2012 - 19:39 Português
Poesia/Geral Rock e Prosa! 1 1.057 03/21/2012 - 20:34 Português
Poesia/Meditação Luz. 0 737 03/21/2012 - 19:44 Português
Poesia/Geral Vazio 0 801 03/21/2012 - 19:40 Português
Poesia/Gótico Fim dos Tempos.. 0 1.072 03/11/2012 - 03:43 Português
Poesia/Geral A Carta 0 631 03/11/2012 - 03:40 Português
Poesia/Geral Rua 0 801 03/09/2012 - 05:06 Português
Poesia/Fantasia Poesia de Rua 0 655 03/06/2012 - 03:43 Português
Poesia/Dedicado Serra! 0 664 03/03/2012 - 21:05 Português
Poesia/Meditação Serra 0 822 03/01/2012 - 04:54 Português
Prosas/Fábula Aeris: A Rainha do amor! 0 1.365 02/26/2012 - 03:45 Português
Poesia/Fantasia Apocalipse! 0 704 02/19/2012 - 01:58 Português
Poesia/Paixão Volta 0 645 02/14/2012 - 03:33 Português
Poesia/Fantasia Renascido 0 689 02/07/2012 - 03:06 Português
Poesia/Gótico Placenta 0 964 02/07/2012 - 02:30 Português
Poesia/Gótico Branca de Neve e os seus 7 Caixões! 0 1.272 02/07/2012 - 02:28 Português
Críticas/Séries TV Novos tempos 0 974 02/01/2012 - 03:14 Português
Fotos/Fotojornalismo Artigo no Jornal Opinião Publica. 0 1.839 02/01/2012 - 02:58 Português
Fotos/Eventos Plateia presente no anfiteatro! 0 1.145 02/01/2012 - 02:51 Português
Fotos/Eventos Lançamento do meu livro "Poesia Ardente" 0 1.108 02/01/2012 - 02:47 Português
Poesia/Fantasia Arco-íris 1 924 01/31/2012 - 11:32 Português
Poesia/Amizade Faço favor 0 1.150 01/16/2012 - 03:50 Português
Poesia/Intervenção O dia da mudança! 0 634 01/16/2012 - 03:45 Português
Poesia/Geral A dança dos imorais 0 880 01/16/2012 - 03:42 Português
Poesia/Fantasia Poéticamente 0 652 01/02/2012 - 22:58 Português