CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

DELÍRIO DO ÍNDIO PYATÃ


Acauã deixou o seu ninho.
Por isso se ouvem os pios
do seu filhote sozinho
nas sombras dos arrepios.

Acauã espreita a aldeia
e encara o índio na oca.
Grasna para lua cheia
e abre as asas sobre a toca.

É uma noite que espanta,
que só índio pode entender.
Quando um acauã canta
alguém por ali vai morrer.

Acauã é praga que azara;
mas, pode ser sina ou sorte.
Pyatã sofre e se arrasa
e sente o agouro da morte.

O índio cai em sono profundo.
A luz pra ele se apaga, escurece.
Pyatã está fora do mundo.
Seu corpo então desfalece.

Acauã o carrega pro espaço.
Sua mente enfraquece e atordoa.
Acauã é uma ave de aço
navegando pelo céu na canoa.

J.Thamilel
11.06.2021

Submited by

sexta-feira, junho 11, 2021 - 19:40

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

J. Thamiel

imagem de J. Thamiel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 dias 21 horas
Membro desde: 05/02/2016
Conteúdos:
Pontos: 3583

Comentários

imagem de J. Thamiel

coment

Obrigado amigo pelo comentário

imagem de Joel

semper Fi...

semper Fi...

imagem de Joel

obrigado pela leitura

é sempre agradável sentir o voo do falcão a lua meia e da floresta o cheiro, bem haja por isso

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of J. Thamiel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão O POETA TRISTE 2 445 07/28/2021 - 00:08 Português
Poesia/Geral DELÍRIO DO ÍNDIO PYATÃ 3 284 06/28/2021 - 15:40 Português
Poesia/Geral REFLEJO DE UNA GALINNA 0 368 05/05/2021 - 16:46 Português
Poesia/Geral O POETA FERIDO 3 406 04/22/2021 - 20:43 Português
Poesia/Desilusão AGORA É SAUDADE 0 333 04/21/2021 - 15:14 Português
Poesia/Fantasia H A R M O N I A 4 408 04/07/2021 - 15:39 Português
Poesia/Geral A CHUVA MOLHA AS ALMAS DISTRAÍDAS 0 318 04/03/2021 - 16:13 Português
Poesia/Geral REFLEJO DE UNA GALLINA 0 342 03/11/2021 - 18:39 Espanhol
Poesia/Geral R E F L E X Ã O DE U M A G A L I N H A 0 427 03/11/2021 - 17:38 Português
Poesia/Desilusão D E S T I N O 0 500 03/10/2021 - 13:24 Português
Poesia/Fantasia R E V E R Ê C I A 0 557 02/28/2021 - 19:01 Português
Poesia/Amor PERDIDOS NO TEMPO 0 456 02/25/2021 - 22:55 Português
Poesia/Poetrix GUARULHOS HOJE 0 803 02/23/2021 - 20:03 Português
Poesia/Amor O MAIS BELO POEMA FEITO PARA VOCÊ 0 462 02/18/2021 - 20:19 Português
Poesia/Amor TUA BELEZA 0 324 02/15/2021 - 13:49 Português
Poesia/Amor O ETERNAMENTE 0 409 02/15/2021 - 12:39 Português
Poesia/Amor UMA ILUSÃO LETAL 1 429 02/13/2021 - 20:20 Português
Poesia/Geral JOSÉ DE TAL 1 208 02/10/2021 - 22:42 Português
Poesia/Geral CORAL DE MARMANJOS 1 303 02/10/2021 - 22:27 Português
Poesia/Geral E, AS VACAS ? 1 324 02/10/2021 - 22:20 Português
Poesia/Geral PORQUE ME TORNEI POETA 4 438 02/10/2021 - 12:36 Português
Poesia/Amor FLORES DE HORTELÃ 0 314 02/05/2021 - 23:55 Português
Poesia/Haikai VENTO ANDALUZ 0 377 02/05/2021 - 18:27 Português
Poesia/Fantasia SOLIDÃO - (Rimas interpoladas) 3 374 02/04/2021 - 10:24 Português
Poesia/Fantasia TROAM TROVAS TRIVIAIS 0 353 02/03/2021 - 20:44 Português