CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

INSALUBRE

Cá estou eu,
Deitado sobre almofadas,
Acariciando o pensamento,
Lambendo das vicissitudes
Que somos obrigados
A suportar do quotidiano...

Aqui estou eu,
Opresso pela agonia
Dum dia a dia inescrupuloso
Em que as torrentes maquiavélicas
Se deitam sobre as consciências
Malfadadas e tolhem o bem-estar.

Assim sou eu,
Menestrel das combustões
Que dilaceram o epigrama
Da existência urdida
Pela mentepsicose das paixões
Estéreis dum tempo esdrúxulo.

Destarte sou eu,
O vilão de mim mesmo,
Opúsculo das razões permeáveis
Que desenham no círculo das emoções
O avatar demoníaco das trevas oníricas,
Coadjuvantes da maledicência secular.

Doravante possa eu,
No eclipsar da sobrevivência,
Capturar os diabetes sazonais
Que fazem de mim
Fantoche de deserdadas sensações
Cultivadas sob a égide da loucura.

Data vênia à minha inconsciência
Que não adormece sobre prados brancos,
Mas labuta sonhos ortodoxos
A fim de que nesta anacrônica
Reflexão que faço do meu ego
Seja uma anatômica depressão efêmera!

DE Ivan de Oliveira Melo

Submited by

sexta-feira, julho 17, 2020 - 03:33

Poesia :

No votes yet

imelo

imagem de imelo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 semanas 1 dia
Membro desde: 09/09/2009
Conteúdos:
Pontos: 1644

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of imelo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Soneto HOMEM/MULHER 0 32 11/10/2020 - 01:56 Português
Poesia/Gótico PAISAGEM 0 25 11/04/2020 - 01:15 Português
Poesia/Soneto INFINITESIMAL 0 20 11/03/2020 - 00:52 Português
Poesia/Geral SENSAÇÕES 0 20 11/02/2020 - 22:51 Português
Poesia/Soneto SENSAÇÕES EÓLICAS 0 24 11/01/2020 - 23:32 Português
Poesia/Geral HÁBITOS & VÍCIOS 0 30 11/01/2020 - 20:34 Português
Poesia/Gótico ALUVIÃO 0 84 10/29/2020 - 02:23 Português
Poesia/Soneto JUÍZO 0 36 10/26/2020 - 01:03 Português
Poesia/Soneto NEGRUME 0 22 10/25/2020 - 13:12 Português
Poesia/Geral CIENTÍFICO 0 51 10/21/2020 - 03:47 Português
Poesia/Geral MISTÉRIOS 0 40 10/19/2020 - 01:20 Português
Poesia/Geral OS SENTIDOS 0 73 10/18/2020 - 13:48 Português
Poesia/Geral IDONEIDADE 0 50 10/17/2020 - 13:11 Português
Poesia/Soneto INTRÉPIDO 0 36 10/17/2020 - 00:37 Português
Poesia/Soneto EMBALOS 0 45 10/11/2020 - 23:36 Português
Poesia/Geral FUTUM 0 48 10/11/2020 - 23:00 Português
Poesia/Geral FUTUM 0 83 10/11/2020 - 22:57 Português
Poesia/Geral DOUTRINA 0 54 10/06/2020 - 03:33 Português
Poesia/Geral AMAR 0 67 09/30/2020 - 01:36 Português
Poesia/Gótico AGONY 0 65 09/26/2020 - 23:58 Português
Poesia/Geral AGONY 0 170 09/26/2020 - 23:21 inglês
Poesia/Geral INDOMÁVEL 0 70 09/26/2020 - 14:45 Português
Poesia/Geral HISTÓRICO 0 83 09/18/2020 - 22:28 Português
Poesia/Geral IN NATURA 0 69 09/16/2020 - 23:36 Português
Poesia/Geral CONTEXTO IDEOLÓGICO 0 87 09/16/2020 - 01:05 Português